Problemas conhecidos do Outlook nas atualizações de segurança de junho de 2017

Última atualização: 4 de agosto de 2017

Os problemas abrangidos neste artigo foram comunicados após a instalação das atualizações recentes indicadas abaixo:

Atualização de segurança para o Outlook 2007: 13 de junho de 2017

Atualização de segurança para o Outlook 2010: 13 de junho de 2017

Atualização de segurança para o Outlook 2013: 13 de junho de 2017

Atualização de segurança para o Outlook 2016: 13 de junho de 2017

Atualização de segurança para o Windows 8 de 13 de junho de 2017

Atualização de segurança para o Windows 10 de 13 de junho de 2017

Atualização de segurança para o Windows 10 de 13 de junho de 2017

Atualização de segurança para o Windows 7 de 13 de junho de 2017

Atualização de segurança para o Windows 7 de 13 de junho de 2017

Se for um cliente do Office 365, instale as atualizações mais recentes disponíveis atualmente para resolver os problemas. Aceda a Ficheiro > Conta do Office > Opções de Atualização > Atualizar Agora.

PROBLEMA

Última atualização: 27 de julho de 2017

Este problema afeta o Outlook 2007 e o Outlook 2010.

Ao abrir um anexo num e-mail, contacto ou tarefa no formato RTF, é apresentado o seguinte erro:

"O programa utilizado para criar este objeto é o Outlook. Este programa não está instalado no seu computador ou não está a responder. Para editar este objeto, instale o Outlook ou certifique-se de que todas as caixas de diálogo do Outlook estão fechadas".

Programa não instalado

Também poderá ver a mensagem:

"Este item contém anexos potencialmente inseguros. Pode não conseguir ver estes anexos depois de fechar o item".

Potencialmente não seguro

Estado: corrigido

Instale as atualizações abaixo para corrigir o problema no Outlook 2007 e no Outlook 2010:

Atualização para o Outlook 2007: 27 de julho de 2017

Atualização para o Outlook 2010: 27 de julho de 2017

Solução

  • Reencaminhe o e-mail para si próprio e abra os anexos a partir do e-mail reencaminhado.

  • Altere o formato de e-mail para HTML ou Texto.

  • Guarde os anexos no computador através de um dos seguintes métodos e depois abra-os a partir da localização onde foram guardados:

    • Arraste a largue os anexos no ambiente de trabalho.

    • Aceda a Ficheiro > Guardar Anexos.

    • Copie e cole o anexo no seu computador.

PROBLEMA

Última atualização: 27 de julho de 2017

Este problema afeta o Outlook 2007, Outlook 2010, Outlook 2013 e Outlook 2016.

Ao abrir um anexo que inclui reticências (...) ou um ponto de exclamação (!), os ficheiros são bloqueados e recebe o aviso A Abrir Anexo de Correio.

Janela do anexo

Se uma mensagem de e-mail incluir uma mensagem de e-mail anexada e a linha de assunto da mensagem anexada terminar com uma extensão de nome de ficheiro não segura que faça parte dos Anexos bloqueados no Outlook, o anexo do e-mail será bloqueado para os destinatários.

ESTADO: corrigido

Se for um cliente do Office 365, instale as atualizações mais recentes para resolver os problemas. Aceda a Ficheiro > Conta do Office > Opções de Atualização > Atualizar Agora.

Para corrigir o problema no Outlook 2007, Outlook 2010, Outlook 2013 e Outlook 2016, instale as atualizações abaixo:

Atualização para o Outlook 2007: 27 de julho de 2017

Atualização para o Outlook 2010: 27 de julho de 2017

Atualização para o Outlook 2013: 27 de julho de 2017

Atualização para o Outlook 2016: 27 de julho de 2017

Solução

Se receber o aviso A Abrir o Anexo de Correio e tiver a certeza de que o anexo foi enviado a partir de uma origem de confiança, escolha Abrir ou Guardar o ficheiro.

Se o ficheiro estiver bloqueado devido a uma extensão de ficheiro potencialmente perigosa, peça ao remetente que guarde a mensagem de e-mail no respetivo computador e mude o nome do assunto dela de forma a não terminar com uma extensão de nome de ficheiro não segura. Em seguida, anexe o ficheiro à mensagem de e-mail e envie novamente.

PROBLEMA

Última atualização: 27 de julho de 2017

Este problema afeta o Outlook 2013 e o Outlook 2016.

Se definir ShowLevel1Attach para permitir ao Outlook apresentar anexos de Nível 1, poderá ser apresentado o erro: "Um ou mais objetos neste ficheiro foram desativados devido às definições de política".

Aviso: Normalmente, os anexos de Nível 1 são bloqueados. Se tiver ativado esta política, os utilizadores conseguem ver anexos de Nível 1 no Outlook. Se utilizar alguma das soluções temporárias para abrir os ficheiros, certifique-se de que são seguros. Consulte: Information for administrators about e-mail security settings in Outlook 2007 (Informações para administradores sobre definições de segurança de e-mail no Outlook 2007).

Erro do Outlook

Se definir ShowLevel1Attach para permitir ao Outlook apresentar anexos de Nível 1 e enviar um e-mail com um anexo, poderá ser apresentada a seguinte mensagem: "Este item contém anexos potencialmente inseguros.  Os destinatários que utilizam o Microsoft Outlook podem não conseguir abrir estes anexos."

Mensagem de aviso sobre o envio de anexos potencialmente não seguros do Outlook

ESTADO: corrigido

Se for um cliente do Office 365, instale as atualizações mais recentes para resolver o problema. Aceda a Ficheiro > Conta do Office > Opções de Atualização > Atualizar Agora.

Para o Outlook 2013 e o Outlook 2016, instale as atualizações abaixo para resolver o problema:

Atualização para o Outlook 2013: 27 de julho de 2017

Atualização para o Outlook 2016: 27 de julho de 2017

Solução:

  • Altere o formato de e-mail para HTML ou Texto.

  • Guarde os anexos no computador através de um dos seguintes métodos e depois abra-os a partir da localização onde foram guardados:

    • Arraste a largue os anexos no ambiente de trabalho.

    • Aceda a Ficheiro > Guardar Anexos.

    • Copie e cole o anexo no seu computador.

PROBLEMA

Última atualização: 17 de setembro de 2017

Nota: Consulte também artigo seguinte para obter uma atualização sobre este problema: Os scripts de formulário personalizados estão agora desativados por predefinição.

Este problema afeta o Outlook 2007, Outlook 2010, Outlook 2013 e Outlook 2016.

Quando utiliza um formulário personalizado que criou para o Outlook, vê estes dois sintomas:

  • O VBScript não é executado.

  • Recebe um aviso de código malicioso:

    Erro do Outlook

ESTADO

Se for um cliente do Office 365, a correção está agora disponível para os utilizadores do Insider Fast.

Para outras vias, está agendada uma atualização para meados de setembro nas versões 16.0.8418.5703 e posterior. Atualizaremos esta página quando a correção for lançada.

O problema foi resolvido em todas as versões MSI. Para corrigir o problema no Outlook 2007, Outlook 2010, Outlook 2013 e Outlook 2016, instale as atualizações abaixo:

Atualização para o Outlook 2007: 27 de julho de 2017

Atualização para o Outlook 2010: 27 de julho de 2017

Atualização para o Outlook 2013: 27 de julho de 2017

Atualização para o Outlook 2016: 27 de julho de 2017

PROBLEMA

Última atualização: 3 de agosto de 2017

Este problema afeta todas as versões do Outlook no Windows 7, Windows 8 e Windows 10.

Ao efetuar uma pesquisa no Outlook, é apresentado o seguinte erro: "Algo correu mal e não foi possível concluir a pesquisa." ou "Os resultados da pesquisa podem estar incompletos porque os itens ainda estão a ser indexados."

Erro do Outlook

Verá também este aviso do Registo de Eventos:

Mensagem de Aviso Sobre o Registo de Eventos do Outlook

ESTADO: CORRIGIDO

O Windows lançou correções através do Windows Update para abordar um problema de fiabilidade do Windows Search. Seguem-se as atualizações KB relevantes para cada versão:

Nota: A correção para este problema foi lançada a 27 de junho de 2017. Se implementou a solução para desativar o Serviço Windows Desktop Search, agora pode definir a chave de registo PreventIndexingOutlook para DWORD: 0 para voltar a utilizar o Windows Search.

SOLUÇÃO

Se o problema não for resolvido após instalar as atualizações, utilize a solução abaixo:

  1. Se a pesquisa não estiver a funcionar para contas do Exchange, elimine os ficheiros OST, o que fará com que a conta seja sincronizada e indexada novamente:

    • Normalmente, os ficheiros OST são armazenados em C:\Users\<o seu nome>\AppData\Local\Microsoft\Outlook.

    • Para encontrar o nome e localização do ficheiro OST, clique em Ficheiro, Definições da Conta, Definições da Conta, Ficheiros de Dados. Localize o endereço de e-mail correto, clique no nome e clique em Abrir Localização do Ficheiro.

    • Antes de poder eliminar o ficheiro OST, tem de fechar o Outlook para que o processo liberte o ficheiro.

    • Após eliminar o ficheiro, reinicie o Outlook e permita que o e-mail sincronize novamente.

  2. Outra solução é Criar um novo perfil do Outlook e adicionar as suas contas ao novo perfil. Recomendamos que mantenha o perfil antigo até saber que moveu todos os ficheiros PST ou dados locais.

Até poder instalar o lançamento da correção do Windows Update, pode definir uma chave de registo que fará com que o Outlook deixe de utilizar o serviço local Windows Search. Ao definir esta chave de registo, o Outlook irá utilizar o seu próprio motor de busca incorporado. A pesquisa incorporada irá apresentar a mensagem abaixo para indicar que não está a utilizar o serviço Windows Search.

Mensagem de Aviso Sobre a Pesquisa do Outlook

Desativar o Serviço Windows Desktop Search para o Outlook:

Nota: Os passos seguintes mostram-lhe como modificar o registo. No entanto, poderão ocorrer problemas graves se modificar o registo incorretamente. Certifique-se de que segue estes passos cuidadosamente. Como forma de proteção adicional, crie uma cópia de segurança do registo antes de o modificar. Assim, se ocorrer algum problema pode restaurar o registo. Para obter mais informações sobre como criar uma cópia de segurança e restaurar o registo, consulte este artigo.

  • Abra o Editor de Registo.

  • Aceda a: Computer\HKEY_LOCAL_MACHINE\SOFTWARE\Policies\Microsoft\Windows\Windows Search

  • PreventIndexingOutlook

  • Defina DWORD: 1

Instruções Detalhadas:

  1. Clique em Iniciar, clique em Executar, escreva regedit na caixa Abrir e, em seguida, clique em OK.

  2. Localize e, em seguida, clique na seguinte subchave no registo:
    HKEY_LOCAL_MACHINE\SOFTWARE\Policies\Microsoft\Windows

  3. No menu Editar, aponte para Novo e, em seguida, clique em Nova Chave e dê o nome Windows Search à chave.

  4. Clique na nova chave Windows Search.

  5. No menu Editar, aponte para Novo e, em seguida, clique em Valor DWORD.

  6. Escreva PreventIndexingOutlook para o nome do valor DWORD e, em seguida, prima Enter.

  7. Clique com o botão direito do rato em PreventIndexingOutlook e, em seguida, clique em Modificar.

  8. Na caixa Dados do valor, escreva  1 para ativar a entrada do registo e, em seguida, clique em OK.

  9. Para desativar a definição PreventIndexingOutlook, escreva 0 (zero) e clique em OK.

  10. Saia do Editor de Registo e, em seguida, reinicie o Outlook.

PROBLEMA

O iCloud não é carregado corretamente no Outlook 2007, Outlook 2010, Outlook 2013 e Outlook 2016.

Ao aceder ao Calendário, Contactos ou Tarefas, é apresentado o seguinte erro:

Não é possível abrir o conjunto de pastas. Não foi possível a MAPI carregar o serviço de informações C:\PROGRA~2\COMMON~1\Apple\Internet Services\APLZOD.dll. Verifique se o serviço está corretamente instalado e configurado."

Erro do Outlook

ESTADO: SOLUÇÃO

O carregamento de serviços MAPI não registados foi desativado por predefinição para tornar o Outlook mais seguro.

Se estiver a utilizar o Outlook 2010, Outlook 2013 ou Outlook 2016, desinstale e reinstale o iCloud para resolver este problema. Para obter mais informações, consulte esta página.

Para o Outlook 2007, utilize a solução abaixo:

Aviso: Esta solução pode tornar o seu computador ou rede mais vulnerável a ataques por parte de utilizadores maliciosos ou software malicioso, tal como vírus. A Microsoft não recomenda esta solução mas fornece estas informações para que possa optar por implementar esta solução a seu exclusivo critério. Utilize esta solução por sua própria conta e risco.

Se tiver aplicações de confiança que precisam de ser carregadas desta forma, pode reativar essas aplicações ao definir a seguinte chave de registo:

REG_DWORD HKEY_CURRENT_USER\Software\Microsoft\Office\12.0\Outlook\Security\AllowUnregisteredMapiServices

Pode utilizar a seguinte subchave de registo para aplicar a definição do registo como uma política de domínio:

HKCU\Software\Policies\Microsoft\Office\12.0\Outlook\Security\AllowUnregisteredMapiServices

Valor 0 (predefinição): bloquear o carregamento de serviços MAPI não registados. Esta é a definição recomendada para evitar a execução inesperada de código desconhecido.

Valor 1: permitir o carregamento de serviços MAPI não registados.

Importante: Os passos seguintes mostram-lhe como modificar o registo. No entanto, poderão ocorrer problemas graves se modificar o registo incorretamente. Certifique-se de que segue estes passos cuidadosamente. Como forma de proteção adicional, crie uma cópia de segurança do registo antes de o modificar. Assim, se ocorrer algum problema pode restaurar o registo. Para obter mais informações sobre como criar uma cópia de segurança e restaurar o registo, consulte este artigo.

Para fazer estas alterações no registo, siga estes passos:

  1. Clique em Iniciar, clique em Executar, escreva regedit na caixa Abrir e, em seguida, clique em OK.

  2. Localize e, em seguida, clique na seguinte subchave no registo:

    HKCU\Software\Microsoft\Office\12.0\Outlook\Security\

  3. No menu Editar, aponte para Novo e, em seguida, clique em Valor DWORD.

  4. Escreva AllowUnregisteredMapiServices no nome do DWORD e, em seguida, prima Enter.

  5. Clique com o botão direito do rato em AllowUnregisteredMapiServices e, em seguida, clique em Modificar.

  6. Na caixa Dados do valor, escreva 1 para ativar a entrada do registo e, em seguida, clique em OK.

    Nota: Para desativar a definição AllowUnregisteredMapiServices, escreva 0 (zero) e, em seguida, clique em OK.

  7. Saia do Editor de Registo e, em seguida, reinicie o computador.

Informações de vulnerabilidade (aplica-se a todas as versões)

A MAPI não verifica se a DLL de um fornecedor necessária para o carregamento está registada corretamente no MapiSVC.inf ou, até mesmo, se provém do computador local. Assim, esta vulnerabilidade pode ser explorada ao criar um ficheiro em conjunto com um objeto OLE para fazer com que a MAPI carregue uma DLL a partir de uma partilha de rede quando o objeto OLE for ativado. Isto pode permitir que o código arbitrário seja executado.

PROBLEMA

Este problema afeta todas as versões do Outlook no Windows 7, Windows 8 e Windows 10.

Quando imprimir uma iframe ou frame numa página Web, a impressão final poderá estar em branco ou o texto impresso poderá ter o seguinte aspeto:

Erro de Impressão do Outlook

Nota: Uma frame é uma parte de uma página Web ou janela de browser que apresenta conteúdos independentemente do seu contentor. Uma frame pode carregar conteúdos de forma independente.

Este problema também foi observado no Internet Explorer 11 e nas aplicações que alojam o Controlo do Browser IE.

ESTADO: CORRIGIDO

Este problema foi corrigido.

Para o Internet Explorer 9 e 10, consulte este artigo para instalar as atualizações: É imprimida uma página em branco ou de erro "404" ao tentar imprimir uma frame

Para o Internet Explorer 11, consulte:

Última atualização: 26 de julho de 2017

PROBLEMA

Alguns suplementos do Outlook baseados na Web não funcionam ao utilizar o Microsoft Exchange 2013 no local.

Isto só se aplica às instalações MSI do Outlook 2016/Office 2016. As instalações da tecnologia Clique-e-Use não são afetadas. O suplemento Aplicação do Office pode apresentar um erro Operação Falhada ou pode não responder a cliques no botão ou a outras opções de IU.

Estado: em investigação

Estamos a investigar o problema e iremos atualizar esta página quando estiver disponível uma correção.

Última atualização: 29 de novembro de 2017

PROBLEMA

O Outlook falha quando clica em Ficheiro > Opções e é apresentado o erro abaixo.

Erro da Falha do Outlook

Este problema afeta apenas a Versão 16.0.8201.2158 do programa Lançamento Inicial para a Via com Atualizações Diferidas.

Detalhes da falha:

Nome da aplicação com falhas: OUTLOOK.EXE, versão: 16.0.8201.2158, carimbo de data/hora: 0x5975d6bc

Nome do módulo com falhas: KERNELBASE.dll, versão: 6.1.7601.23807, carimbo de data/hora: 0x5915fe14

Código de exceção: 0xc06d007f

Offset da falha: 0x000000000001a06d

ID do processo com falhas: 0x11fc

Hora de início da aplicação com falhas: 0x01d307f0bc63afda

Caminho da aplicação com falhas: C:\Programas\Microsoft Office\root\Office16\OUTLOOK.EXE

Caminho do módulo com falhas: C:\windows\system32\KERNELBASE.dll

ESTADO: CORRIGIDO

Este problema foi resolvido na compilação 8201.2162 da Via de Atualizações Semianuais (anteriormente Lançamento Inicial para a Via com Atualizações Diferidas) lançada em agosto de 2017.

Este problema também foi corrigido na compilação 8201.2209 da Via com Atualizações Diferidas lançada em novembro de 2017.

Para obter mais informações sobre quando as compilações ficam disponíveis para as respetivas vias de atualizações, aceda a Números de versão e compilação dos lançamentos das vias de atualizações.

Tem um pedido de funcionalidade?

Lâmpada – Ideia

Adoramos ler as suas sugestões de novas funcionalidades e o seu feedback sobre como utiliza os nossos produtos! Partilhe as suas opiniões no site do UserVoice do Outlook. Estamos atentos ao seu feedback.

Tópicos Relacionados

Correções ou soluções para problemas recentes no Outlook para Windows
Resolver problemas do Outlook para Windows com as ferramentas de resolução de problemas automática
Voltar a ligar o Outlook 2016 ou o Outlook 2013 ao Outlook.com para aceder ao e-mail sem interrupções

Aumente os seus conhecimentos do Office
Explore as formações
Seja o primeiro a obter novas funcionalidades
Adira ao Office Insider

As informações foram úteis?

Obrigado pelos seus comentários!

Obrigado pelo seu feedback! Parece que poderá ser benéfico reencaminhá-lo para um dos nossos agentes de suporte do Office.

×