O que é a funcionalidade Guardar Automaticamente?

Guardar Automaticamente

Estar sempre a guardar o seu trabalho é uma preocupação do passado. Agora existe a funcionalidade Guardar Automaticamente, que guarda o seu trabalho com intervalos de meros segundos, para que você não tenha de o fazer.

A funcionalidade Guardar Automaticamente é ativada quando um ficheiro é armazenado no OneDrive, no OneDrive para Empresas ou no SharePoint Online. Esta opção guarda automaticamente as suas alterações na nuvem à medida que trabalha. Além disso, se estiverem outras pessoas a trabalhar no mesmo ficheiro, a funcionalidade Guardar Automaticamente permite que estas vejam as suas alterações em alguns segundos.

Nota: Utiliza a opção Ficheiro > Guardar Como após efetuar alterações a um modelo ou documento original? Se for o caso, recomendamos que utilize a opção Ficheiro > Guardar uma Cópia antes de efetuar as alterações. Desta forma, a funcionalidade Guardar Automaticamente não substitui o ficheiro original pelo alterado. Se a funcionalidade Guardar Automaticamente substituiu o ficheiro original pelo ficheiro alterado, consulte a secção abaixo: "Eu não queria guardar as minhas alterações. Como posso voltar atrás?"

No Windows, o Guardar Automaticamente está disponível no Excel, no Word e no PowerPoint para assinantes do Office 365. Aqui estão algumas perguntas frequentes sobre isso.

No Windows, Guardar Automaticamente é uma nova funcionalidade disponível no Excel, Word e PowerPoint para assinantes do Office 365. Ele guarda o seu ficheiro por si, para que não o precise de fazer.

A funcionalidade Guardar Automaticamente guarda em intervalos de poucos segundos. No entanto, o tempo poderá variar consoante aquilo em que estiver a trabalhar.

Pode restaurar uma versão anterior do ficheiro. Esta ação irá estabelecer essa versão anterior como a versão atual.

Cursor a clicar no nome de ficheiro, Ver todas as versões

Na parte superior da janela, clique no nome do ficheiro e, em seguida, clique em Ver todas as versões. Consulte as datas e horas para encontrar a versão que pretende restaurar e, em seguida, clique em Abrir versão. Será aberta uma nova janela. Para voltar para esta versão, clique no botão Restaurar. Para obter mais informações sobre o histórico de versões, consulte Ver o histórico de versões de ficheiros do Office.

Se for o proprietário do ficheiro, pode adicionar uma definição a ficheiros do Excel e do Word denominada "Recomendar só a leitura". Quando alguém abrir um ficheiro com esta definição, essa pessoa recebe uma mensagem a indicar que o autor recomenda abrir o ficheiro como só de leitura. Para ativar esta definição para um ficheiro, aceda a Ficheiro > Guardar uma Cópia > Procurar. Em seguida, clique em Ferramentas > Opções Gerais e selecione a caixa de verificação Recomendar só a leitura. Clique em OK e, em seguida, guarde o ficheiro com um nome diferente ou substitua o ficheiro atual.

Existem outras formas de impedir que o ficheiro seja editado. Se o ficheiro estiver no OneDrive, pode alterar as permissões do ficheiro. Se o ficheiro estiver no SharePoint, pode configurar uma biblioteca para exigir a saída.

Ficheiro > Guardar uma Cópia

A opção Guardar Como não está no menu Ficheiro quando abre um documento a partir do OneDrive, do OneDrive para Empresas ou do SharePoint Online. Nestes casos, aparece o comando Guardar uma Cópia no menu Ficheiro como alternativa.

Utiliza muito a opção Guardar Como? Muitas pessoas estão habituadas a trabalhar num ficheiro e, em seguida, utilizar a opção Ficheiro > Guardar Como para guardar as alterações na cópia e não no ficheiro original. No entanto, quando a funcionalidade Guardar Automaticamente está ativada, as suas alterações são continuamente guardadas no ficheiro original. Por isso, recomendamos que utilize o comando Ficheiro > Guardar uma Cópia imediatamente se quiser que as suas alterações se apliquem à cópia e não ao ficheiro original.

A opção Guardar não está no menu Ficheiro quando abre um documento a partir do OneDrive, OneDrive para Empresas ou SharePoint Online. Nesses casos, a funcionalidade Guardar Automaticamente está ativada por predefinição, por isso não precisa de aceder a Ficheiro > Guardar. Em vez disso, a funcionalidade Guardar Automaticamente guarda por si.

O Guardar Automaticamente aparece no canto superior esquerdo se for um assinante do Office 365 e tiver as versões mais recentes do Excel, Word e PowerPoint para Windows instaladas. Observe que, se tiver uma conta profissional ou escolar, o seu administrador poderá controlar qual versão do Office você pode instalar e pode não ser a versão mais recente. Veja Quando vou obter as funcionalidades mais recentes do Office 365?.

Se não for um subscritor, não se preocupe, pois tem a Recuperação Automática. A Recuperação Automática ajuda a proteger os ficheiros em caso de falha. Se reabrir o ficheiro após uma falha, será apresentada uma versão do ficheiro com as suas alterações mais recentes no painel Recuperação de Documentos. Para obter mais informações sobre como ativá-la, consulte Ajudar a proteger os seus ficheiros em caso de falha.

A funcionalidade Guardar Automaticamente está ativada se estiver a trabalhar num ficheiro guardado no OneDrive, no OneDrive para Empresas ou no SharePoint Online. Se o ficheiro estiver guardado noutra localização, a funcionalidade Guardar Automaticamente estará desativada. Isto acontecerá se o seu ficheiro estiver num site do SharePoint No Local, um servidor de ficheiros ou num caminho local como C:\.

Podem existir outras razões para que a funcionalidade Guardar Automaticamente esteja desativada. Eis uma lista de motivos comuns pelos quais a mesma é desativada:

  • O ficheiro está num formato mais antigo, como .xls, .ppt ou .doc.

  • O ficheiro está numa pasta local do OneDrive e o OneDrive está em pausa.

  • O ficheiro está a ser sincronizado por uma versão anterior do cliente de sincronização do OneDrive. Para obter mais informações sobre atualizar o OneDrive, consulte Introdução ao novo cliente de sincronização do OneDrive no Windows.

  • O ficheiro está incorporado dentro de outro ficheiro do Office.

  • A apresentação está em modo apresentação de diapositivos.

Se estiver a utilizar o Excel e já tentou as opções acima, poderá ter um ficheiro que contém funcionalidades não suportadas pela funcionalidade Guardar Automaticamente. Efetue um ou mais dos seguintes procedimentos para a ativar:

  • Desativar a funcionalidade Livro Partilhado. Esta funcionalidade é um método de partilha mais antigo. A funcionalidade tem muitas limitações e foi substituída pela cocriação.

  • Remover a encriptação de palavra-passe do ficheiro se possível: Só tem de aceder a Ficheiro > Informações > Proteger Livro. Em seguida, eliminar a palavra-passe e clicar em OK.

  • Remover o acesso restrito se possível: Só tem de aceder a Ficheiro > Informações > Proteger Livro > Restringir Acesso e clicar em Acesso Sem Restrições.

  • Se estiver a abrir o instantâneo de um livro a partir do SharePoint, opte por abrir o ficheiro em vez do instantâneo.

  • Desative a definição Atualizar dados ao abrir ficheiro em todas as tabelas e tabelas dinâmicas no ficheiro. Selecione a tabela ou tabela dinâmica e, em seguida, aceda a Estrutura das Ferramentas de Tabela > Atualizar > Propriedades de Ligação. Em seguida, desmarque Atualizar dados ao abrir ficheiro.

  • Desative um suplemento que esteja a causar a desativação da funcionalidade Guardar Automaticamente. Selecione Ficheiro > Opções > Suplementos > Suplementos do Excel > Ir e, em seguida, desmarque a caixa de verificação do suplemento.

Existem dois modos de o fazer. Uma das formas consiste em selecionar Ficheiro > Guardar uma Cópia e guardar o ficheiro noutra localização. Isto permite-lhe trabalhar numa cópia totalmente separada do ficheiro.

A outra forma consiste em desativar a funcionalidade Guardar Automaticamente antes de fazer as alterações. Se quiser que as alterações sejam temporárias e não guardadas, feche o ficheiro. Em seguida, clique em Não quando lhe for pedido para guardar.

Se não quiser guardar continuamente e não quiser mostrar as suas alterações a outras pessoas, pode desativar a funcionalidade Guardar Automaticamente. Quando estiver pronto, clique em Guardar para mostrar as suas alterações às outras pessoas que estão a trabalhar no ficheiro. (Em alternativa, pode ativar a funcionalidade Guardar Automaticamente novamente para guardar e partilhar as suas alterações.)

Por predefinição, a funcionalidade Guardar Automaticamente está sempre Ativada para os ficheiros que estão na nuvem. No entanto, se desativar a funcionalidade Guardar Automaticamente para um ficheiro, o programa irá memorizar a ação e mantê-la desativada sempre que reabrir esse ficheiro. Se a ativar novamente para um ficheiro, o programa irá mantê-la ativada para esse ficheiro.

Não. Quando a funcionalidade Guardar Automaticamente está desativada, a Recuperação Automática funciona na mesma. Para obter mais informações, consulte Ajudar a proteger os seus ficheiros em caso de falha. Quando a funcionalidade Guardar Automaticamente está ativada, a Recuperação Automática não está ativada, mas não se preocupe. O seu ficheiro está a ser guardado na nuvem em intervalos de poucos segundos. Por isso, se ocorrer uma falha durante a edição de um ficheiro na nuvem, reabra o ficheiro.

Se Desativar a funcionalidade Guardar Automaticamente para um ficheiro, o programa irá lembrar-se de a manter desativada sempre que abrir novamente esse ficheiro. Se a Ativar novamente para um ficheiro, irá lembrar-se de a manter ativada para esse ficheiro.

Se quiser desativar a funcionalidade Guardar Automaticamente para todos os ficheiros, aceda a Ficheiro > Opções > Guardar e desselecione a caixa junto a Guardar automaticamente os ficheiros do OneDrive e SharePoint Online por predefinição no Word.

A caixa de diálogo Ficheiro > Opções > Guardar a apresentar a caixa de verificação para ativar ou desativar a funcionalidade Guardar Automaticamente

Reinicie o Word (ou outra aplicação que estiver a utilizar) para aplicar a alteração.

Notas: 

  • Se quiser desativar a funcionalidade Guardar Automaticamente por predefinição para todas as suas aplicações do Office, como o PowerPoint e o Excel, terá de repetir estes passos para cada aplicação.

  • No entanto, se quiser que alguns ficheiros individuais continuem a ser guardados automaticamente, pode abri-los e voltar a ativar a funcionalidade manualmente para esses ficheiros.

Tópicos Relacionados

Colaborar em livros do Excel
Colaborar em apresentações do PowerPoint
Colaborar em documentos do Word

No Mac, o Guardar Automaticamente está disponível no Excel, no Word e no PowerPoint para assinantes do Office 365. Aqui estão algumas perguntas frequentes sobre isso.

No Mac, Guardar Automaticamente é uma nova funcionalidade disponível no Excel, Word e PowerPoint para assinantes do Office 365. Ele guarda o seu ficheiro por si, para que não o precise de fazer.

A funcionalidade Guardar Automaticamente guarda em intervalos de poucos segundos. No entanto, o tempo poderá variar consoante aquilo em que estiver a trabalhar.

Pode restaurar uma versão anterior do ficheiro. Esta ação irá estabelecer essa versão anterior como a versão atual. Clique em Ficheiro > Ver o Histórico de Versões. No painel do Histórico de Versões, consulte as datas e horas para encontrar a versão que pretende restaurar e, em seguida, clique em Abrir Versão. Será aberta uma nova janela. Para voltar para esta versão, clique no botão Restaurar.

Se o ficheiro estiver no OneDrive, pode alterar as permissões do ficheiro. Se o ficheiro estiver no SharePoint, pode configurar uma biblioteca para exigir a saída.

A opção Guardar Como não está no menu Ficheiro quando abre um documento a partir do OneDrive, do OneDrive para Empresas ou do SharePoint Online. Nestes casos, aparece o comando Guardar uma Cópia no menu Ficheiro como alternativa.

Utiliza muito a opção Guardar Como? Muitas pessoas estão habituadas a trabalhar num ficheiro e, em seguida, utilizar a opção Ficheiro > Guardar Como para guardar as alterações na cópia e não no ficheiro original. No entanto, quando a funcionalidade Guardar Automaticamente está ativada, as suas alterações são continuamente guardadas no ficheiro original. Por isso, recomendamos que utilize o comando Ficheiro > Guardar uma Cópia imediatamente se quiser que as suas alterações se apliquem à cópia e não ao ficheiro original.

O Guardar Automaticamente aparece no canto superior esquerdo se for um assinante do Office 365 e tiver a versão mais recente do Excel, Word e PowerPoint para Office 365 instalada. Observe que, se tiver uma conta profissional ou escolar, o seu administrador poderá controlar qual versão do Office você pode instalar e pode não ser a versão mais recente. Veja Quando vou obter as funcionalidades mais recentes do Office 365?.

Se não for um subscritor, não se preocupe, pois tem a Recuperação Automática. A Recuperação Automática ajuda a proteger os ficheiros em caso de falha. Se reabrir o ficheiro após uma falha, será apresentada uma versão do ficheiro com as suas alterações mais recentes no painel Recuperação de Documentos. Para obter mais informações sobre como ativá-la, consulte Guardar automaticamente e recuperar ficheiros.

A funcionalidade Guardar Automaticamente está ativada se estiver a trabalhar num ficheiro guardado no OneDrive, no OneDrive para Empresas ou no SharePoint Online. Se o ficheiro estiver guardado noutra localização, a funcionalidade Guardar Automaticamente estará desativada. Isto acontecerá se o seu ficheiro estiver num site do SharePoint No Local, num servidor de ficheiros ou numa pasta local no seu computador.

Além disso, tem de abrir o seu ficheiro a partir do menu Ficheiro no Word, Excel ou PowerPoint para a funcionalidade Guardar Automaticamente ser ativada.

Nota: Se as suas opções Ficheiro > Abrir tiverem o mesmo aspeto da imagem abaixo, tem de clicar no botão Localizações Online e, em seguida, selecionar a partir daí o seu ficheiro do OneDrive ou do SharePoint para que a funcionalidade Guardar Automaticamente funcione. A opção Abrir do menu Ficheiro a apresentar a vista "No meu Mac".

Podem existir outras razões para que a funcionalidade Guardar Automaticamente esteja desativada. Eis uma lista de motivos comuns pelos quais a mesma é desativada:

  • O ficheiro está num formato mais antigo, como .xls, .ppt ou .doc.

  • O ficheiro está numa pasta local do OneDrive e o OneDrive está em pausa.

  • O ficheiro está incorporado dentro de outro ficheiro do Office.

  • A apresentação está em modo apresentação de diapositivos.

Se estiver a utilizar o Excel e já tentou as opções acima, poderá ter um ficheiro que contém funcionalidades não suportadas pela funcionalidade Guardar Automaticamente. Efetue um ou mais dos seguintes procedimentos para a ativar:

  • Desativar a funcionalidade Livro Partilhado. Esta funcionalidade é um método de partilha mais antigo. A funcionalidade tem muitas limitações e foi substituída pela cocriação.

  • Se possível, remova a encriptação de palavra-passe do ficheiro: no separador Rever, clique em Proteger Livro. Em seguida, elimine a palavra-passe e clique em OK.

  • Se possível remova o acesso restrito se possível: Aceda a Ficheiro > Restringir Permissões > Sem Restrições.

  • Se estiver a abrir o instantâneo de um livro a partir do SharePoint, opte por abrir o ficheiro em vez do instantâneo.

  • Desative a definição Atualizar dados ao abrir ficheiro em todas as tabelas e tabelas dinâmicas no ficheiro. Selecione a tabela ou tabela dinâmica e, em seguida, aceda ao separador Tabela. Clique em Atualizar > Propriedades de Ligação. Em seguida, desmarque Atualizar dados ao abrir ficheiro.

  • Desative um suplemento que esteja a causar a desativação da funcionalidade Guardar Automaticamente. Selecione Ferramentas > Suplementos do Excel e, em seguida, anule a seleção da caixa de verificação do suplemento.

Existem dois modos de o fazer. Uma das formas consiste em selecionar Ficheiro > Guardar uma Cópia e guardar o ficheiro noutra localização. Isto permite-lhe trabalhar numa cópia totalmente separada do ficheiro.

A outra forma consiste em desativar a funcionalidade Guardar Automaticamente antes de fazer as alterações. Se quiser que as alterações sejam temporárias e não guardadas, feche o ficheiro. Em seguida, clique em Não quando lhe for pedido para guardar.

Se não quiser guardar continuamente e não quiser mostrar as suas alterações a outras pessoas, pode desativar a funcionalidade Guardar Automaticamente. Quando estiver pronto, clique em Guardar para mostrar as suas alterações às outras pessoas que estão a trabalhar no ficheiro. (Em alternativa, pode ativar a funcionalidade Guardar Automaticamente novamente para guardar e partilhar as suas alterações.)

Por predefinição, a funcionalidade Guardar Automaticamente está sempre Ativada para os ficheiros que estão na nuvem. No entanto, se desativar a funcionalidade Guardar Automaticamente para um ficheiro, o programa irá memorizar a ação e mantê-la desativada sempre que reabrir esse ficheiro. Se a ativar novamente para um ficheiro, o programa irá mantê-la ativada para esse ficheiro.

Não. Quando a funcionalidade Guardar Automaticamente está desativada, a Recuperação Automática funciona na mesma. Para obter mais informações, consulte Guardar automaticamente e recuperar ficheiros. Quando a funcionalidade Guardar Automaticamente está ativada, a Recuperação Automática não está ativada, mas não se preocupe. O seu ficheiro está a ser guardado na nuvem em intervalos de poucos segundos. Por isso, se ocorrer uma falha durante a edição de um ficheiro na nuvem, reabra o ficheiro.

Não. No entanto, pode Desativar a funcionalidade Guardar Automaticamente para um ficheiro e o programa irá lembrar-se de a manter desativada sempre que abrir novamente esse ficheiro. Se a Ativar novamente para um ficheiro, irá lembrar-se de a manter ativada para esse ficheiro.

Aumente os seus conhecimentos do Office
Explore as formações
Seja o primeiro a obter novas funcionalidades
Adira ao Office Insider

As informações foram úteis?

Obrigado pelos seus comentários!

Obrigado pelo seu feedback! Parece que poderá ser benéfico reencaminhá-lo para um dos nossos agentes de suporte do Office.

×