Definir e editar tipos de dados em diagramas de Modelos de Dados

Pode considerar tipos de dados como regras que restringem o tipo de informação que pode ser introduzido em cada coluna de uma tabela numa base de dados. Por exemplo, se quiser certificar-se de que ninguém introduz um nome num campo que se destina apenas a datas, defina o tipo de dados desse campo para um tipo de dados de data. Os tipos de dados são definidos para cada coluna na janela Propriedades da Base de Dados quando cria uma tabela.

Nota: O diagrama de Modelo de Base de Dados só está disponível em algumas versões do Visio. Consulte Não consegue encontrar as funcionalidades de modelação de bases de dados? para mais informações.

Definir tipos de dados para as colunas numa tabela de modelo de base de dados

  1. Faça duplo clique na forma da tabela que contém as colunas para as quais pretende definir tipos de dados.

  2. Na janela Propriedades da Base de Dados, em Categorias, clique em Colunas.

  3. Clique na célula na coluna Tipo de Dados que pretende alterar.

  4. Clique na seta para baixo junto ao tipo de dados atual e selecione um tipo de dados diferente na lista.

Escolher entre tipos de dados físicos e portáteis

Geralmente, os tipos de dados portáteis são tipos definidos que mapeiam a tipos de dados físicos compatíveis em diferentes sistemas de bases de dados. Os tipos de dados físicos são os tipos de dados que a base de dados de destino suporta. Por exemplo, se tiver o controlador definido como Access, os tipos de dados disponíveis no Microsoft Office Access estão disponíveis como tipos de dados físicos no seu modelo.

  1. Faça duplo clique na forma da tabela que contém as colunas para as quais pretende definir tipos de dados.

  2. Na janela Propriedades da Base de Dados, em Categorias, clique em Colunas.

  3. Abaixo da lista de colunas, clique em Tipos de dados portáteis ou Tipos de dados físicos.

    • Geralmente, os tipos de dados portáteis são tipos definidos que mapeiam a tipos de dados físicos compatíveis em diferentes sistemas de bases de dados.

    • Os tipos de dados físicos são determinados pelo controlador de base de dados definido para o modelo. Para saber mais sobre os tipos de dados para o seu controlador, consulte a documentação do respetivo sistema de gestão de bases de dados (DBMS) de destino.

Alterar o conjunto de tipos de dados físicos disponível

Sistemas de gestão de bases de dados diferentes suportam diferentes tipos de dados físicos. Por exemplo, se tiver o controlador definido como Access, os tipos de dados disponíveis no Access estão disponíveis como tipos de dados físicos no seu modelo. Se não vir os tipos de dados esperados, poderá ter de alterar o controlador que definiu na caixa de diálogo Opções de Controlador.

Para utilizar o conjunto de tipos de dados para o DBMS no seu modelo, defina os controladores desse sistema na caixa de diálogo Opções de Controlador.

  1. Determine o controlador da base de dados que está definido para o diagrama.

    • Faça duplo clique numa tabela e, na janela Propriedades da Base de Dados, em Categorias, clique em Colunas.

    • Procure abaixo da lista de colunas, junto às opções de tipos de dados físicos e portáteis.

    • Tenha em atenção que o sistema de gestão de bases de dados é apresentado entre parênteses.

  2. Altere o controlador da base de dados de destino.

    • No menu Base de Dados, aponte para Opções e, em seguida, clique em Controladores.

    • No separador Controladores, selecione o controlador do Visio para o seu sistema de gestão de bases de dados de destino.

    • Clique em Configuração e selecione a caixa de verificação do controlador ODBC adequado.

Criar um tipo de dados definido pelo utilizador

Os tipos de dados definidos pelo utilizador são tipos de dados personalizados que pode criar e reutilizar no modelo de base de dados em que são criados. Isto poderá ocorrer, por exemplo, se a sua tabela tiver uma coluna com um tipo de dados de número para o controlo de ativos. No entanto, sabe que poderá estar a mudar de um sistema de controlo de ativos baseado em carateres para um sistema baseado em números. Se utilizar um tipo de dados definido pelo utilizador, pode alterar as respetivas propriedades de números para carateres a qualquer altura. Esta alteração afeta todas as colunas com esse tipo, mas não afeta as outras colunas que têm um tipo de dados de número.

  1. No menu Base de Dados, clique em Tipos Definidos pelo Utilizador.

  2. Na caixa de diálogo Tipos Definidos pelo Utilizador, clique em Adicionar.

  3. Na caixa de diálogo Adicionar Novo Tipo Definido pelo Utilizador, introduza um nome.

  4. Para basear o seu novo tipo de dados num tipo de dados existente, selecione a caixa de verificação Copiar De e, em seguida, selecione o nome de um tipo de dados existente definido pelo utilizador.

  5. Clique em OK. Especifique as caraterísticas do tipo de dados portátil.

  6. Clique em OK.

Definir um tipo de coleção para uma coluna

Os tipos de coleção permitem armazenar múltiplos valores num campo. Por exemplo, se tiver uma tabela com informações sobre música, poderá querer um tipo de coleção para os géneros, como Clássica, Popular e Folk. Os tipos de coleção podem otimizar o desempenho de uma base de dados ao armazenar os dados numa única entidade, em vez de utilizar chaves externas e tabelas secundárias.

  1. Faça duplo clique na tabela com a coluna que pretende especificar como um tipo de coleção.

  2. Na janela Propriedades da Base de Dados, em Categorias, clique em Colunas.

  3. Clique na coluna que pretende definir como um tipo de coleção e, em seguida, clique em Editar.

  4. Na caixa de diálogo Propriedades da Coluna, clique no separador Coleção e, em seguida, selecione um dos seguintes tipos de coleção:

    • Grupo de Valores Não Ordenado e de Não Repetição (Conjunto) Permite que as instâncias de população de um campo numa coluna tenham múltiplos valores, mas cada valor tem de ser exclusivo. Os valores não têm nenhum critério de ordenação associado, pelo que não estarão ordenados.

    • Grupo de Valores Ordenado (Lista) Cria uma coleção ordenada de elementos que permite elementos duplicados. Cada elemento na coleção tem uma posição ordinal, que é um tipo de posição através do qual um valor pode ser acedido. Dado que podem existir dois valores iguais, os mesmos serão diferenciados pelas respetivas posições ordinais.

    • Grupo de Valores Não Ordenado e de Repetição (Conjunto Múltiplo) Cria uma coleção de elementos que pode ter valores duplicados. Os elementos não têm posições ordinais.

  5. Clique em OK para fechar a caixa de diálogo Propriedades da Coluna.

Criar um tipo de dados composto com a forma Tipo

O modelo Diagrama de Modelo de Base de Dados suporta modelos de bases de dados relacionais e relacionais-objeto, o que lhe permite trabalhar com tipos de dados simples e compostos. Os tipos de dados simples, utilizados por bases de dados relacionais e relacionais-objeto, suportam um valor de dados por coluna. As bases de dados relacionais-objeto também suportam tipos de dados compostos, nos quais uma coluna pode ter múltiplos campos ou valores. Cada campo pode ter um tipo de dados diferente. Por exemplo, pode definir um endereço como um tipo de dados composto que inclui colunas para a rua, localidade, distrito e código postal.

  1. Arraste uma forma Tipo do stencil Relacional-Objecto para o seu diagrama do modelo de base de dados.

  2. Faça duplo clique na forma Tipo para abrir a janela Propriedades da Base de Dados e, em Categorias, clique em Campos.

  3. Clique numa linha em branco e comece a escrever um novo Nome Físico para adicionar um campo.

  4. Especifique um tipo de dados ao escrever o respetivo nome ou ao selecionar um tipo da lista desse campo.

  5. Para impedir valores nulos, selecione a caixa de verificação na coluna Necessário.

  6. Para definir o Tipo como Com Nome, Distinto ou Domínio, em Categorias, clique em Definição.

  7. Selecione as opções que pretende:

    • Tipo de linha com nome: selecione esta opção para especificar que o tipo não é um alias de nenhum outro tipo.

    • Tipo distinto: selecione esta opção para especificar que o tipo é baseado noutro tipo e tem a mesma representação do tipo em que é baseado, mas é um tipo completamente distinto.

      Caso selecione esta opção, não poderá selecionar opções na categoria Campos.

    • Domínio: selecione esta opção para especificar que o tipo é um alias de outro tipo. É uma representação indireta do mesmo tipo.

      Caso selecione esta opção, a opção Tipo de Coleção de Alias ficará disponível e não poderá selecionar opções na categoria Campos.

    • Tipo de coleção de alias (apenas visível se a opção Domínio estiver selecionada): selecione uma opção para especificar se o valor de um atributo é uma coleção de um único valor, conjunto, lista ou conjunto múltiplo. Em bases de dados relacionais, todos os tipos de coleção de atributos são valores únicos. As bases de dados relacionais-objeto permitem-lhe especificar os tipos de coleção adicionais.

Atribuir um tipo de dados composto a uma coluna

Se criar um tipo composto com a forma Tipo, pode atribuí-lo a uma coluna, definindo assim a coluna como tendo todas as colunas do tipo. Por exemplo, pode ter uma tabela com as colunas ID, Nome e Endereço, em que Endereço é um tipo composto a partir das colunas Rua, Localidade, Distrito e Código Postal.

  1. Faça duplo clique na tabela em que pretende utilizar o tipo de dados composto.

  2. Na janela Propriedades da Base de Dados, em Categorias, clique em Colunas.

  3. Clique na seta junto ao tipo de dados atual e selecione outro tipo da lista.

Criar uma tabela de tipos

Se criar um tipo composto com a forma Tipo, pode atribuí-lo a uma tabela, definindo assim todas as colunas da tabela baseadas no tipo. Por exemplo, se tiver um tipo com as colunas Um, Dois e Três, pode atribuir esse tipo à tabela e a mesma irá incluir automaticamente essas colunas.

Nota: Esta operação só pode ser feita com uma tabela vazia.

  1. Arraste uma forma Entidade para o diagrama de modelo.

  2. Faça duplo clique na tabela e, na janela Propriedades da Base de Dados, em Categorias, clique em Definição.

  3. Clique na seta junto ao tipo de dados atual e selecione outro tipo da lista.

Não consegue encontrar as funcionalidades de modelação de bases de dados?

Muito provavelmente, a sua edição do Visio não inclui as funcionalidades de que está à procura. Para saber qual é a edição do Visio que possui, clique em Acerca do Microsoft Office Visio no menu Ajuda. O nome da edição encontra-se na linha de texto superior na caixa de diálogo.

O Microsoft Office Visio Standard não inclui o modelo Diagrama de Modelo de Base de Dados.

O Microsoft Office Visio Professional suporta as funcionalidades de engenharia inversa para o modelo Diagrama de Modelo de Base de Dados (isto é, utilizar uma base de dados existente para criar um modelo no Visio), mas não suporta engenharia direta (isto é, utilizar um modelo de base de dados do Visio para gerar um código SQL). Para obter mais informações, consulte o tópico Efetuar a engenharia inversa de uma base de dados existente.

Se estiver a utilizar o Visio Pro para Office 365 e quiser saber mais sobre como transformar uma base de dados existente num modelo de base de dados, consulte o tópico Efetuar a engenharia inversa de uma base de dados existente.

Aumente os seus conhecimentos do Office
Explore as formações
Seja o primeiro a obter novas funcionalidades
Adira ao Office Insider

As informações foram úteis?

Obrigado pelos seus comentários!

Obrigado pelo seu feedback! Parece que poderá ser benéfico reencaminhá-lo para um dos nossos agentes de suporte do Office.

×