TIR (função TIR)

Este artigo descreve a sintaxe da fórmula e a utilização da função TIR no Microsoft Excel.

Descrição

Devolve a taxa de retorno interna para uma série de fluxos monetários representada pelos números em valores. Estes fluxos monetários não têm de ser iguais, como acontece para uma anuidade. Contudo, os fluxos monetários têm de ocorrer em intervalos regulares, como, por exemplo, mensalmente ou anualmente. A taxa de retorno interna é a taxa de juro recebida por um investimento que consiste em pagamentos (valores negativos) e receitas (valores positivos) que ocorrem em períodos regulares.

Sintaxe

TIR(valores; [estimativa])

A sintaxe da função TIR tem os seguintes argumentos:

  • Valores    obrigatório. É uma matriz ou uma referência a células que contenham números cuja taxa de rentabilidade interna pretenda calcular.

    • Valores devem conter, pelo menos, um valor positivo e um valor negativo para calcular a taxa de retorno interna.

    • TIR utiliza a ordem de valores para interpretar a ordem de fluxos monetários. Certifique-se de que introduziu os valores de pagamentos e receitas na sequência desejada.

    • Se uma matriz ou argumento de referência contiver texto, valores lógicos ou células em branco, estes valores são ignorados.

  • Estimativa    opcional. É um número que se estima estar próximo do resultado de TIR.

    • O Microsoft Excel utiliza uma técnica iterativa para calcular TIR. Começando por estimativa, TIR refaz os cálculos até o resultado ter uma precisão de 0,00001%. Se TIR não conseguir localizar um resultado que funcione depois de 20 tentativas, o valor de erro #NÚM! é devolvido.

    • Na maioria dos casos, não é necessário devolver estimativa para o cálculo de TIR. Se a estimativa for omitida, é considerada 0,1 (10%).

    • Se TIR devolver o valor de erro #NÚM!, ou se o resultado não ficar próximo do esperado, tente novamente com um valor diferente para estimativa.

Observações

TIR está intimamente relacionada com VAL, a função do valor atual líquido. A taxa de retorno calculada por TIR é a taxa de juro correspondente a um valor atual líquido 0 (zero). A fórmula seguinte demonstra como VAL e TIR estão relacionados:

NPV(IRR(A2:A7),A2:A7) é igual a 1,79E-09 [Com a precisão do cálculo TIR, o valor é, na realidade, 0 (zero).]

Exemplo

Copie os dados de exemplo na tabela seguinte e cole-os na célula A1 de uma nova folha de cálculo do Excel. Para que as fórmulas mostrem resultados, selecione-as, prima F2 e, em seguida, prima ENTER. Se pretender, pode ajustar as larguras das colunas para ver todos os dados.

Dados

Descrição

-70.000 €

Custo inicial de um negócio

12.000 €

Receita líquida para o primeiro ano

15.000 €

Receita líquida para o segundo ano

18.000 €

Receita líquida para o terceiro ano

21.000 €

Receita líquida para o quarto ano

26.000 €

Receita líquida para o quinto ano

Fórmula

Descrição

Resultado

=TIR(A2:A6)

Taxa de retorno interna do investimento depois de quatro anos

-2,1%

=TIR(A2:A7)

Taxa de retorno interna depois de cinco anos

8,7%

=TIR(A2:A4;-10%)

Para calcular a taxa de retorno interna depois de dois anos, tem de incluir uma estimativa (neste exemplo, -10%).

-44,4%

Aumente os seus conhecimentos
Explore as formações
Seja o primeiro a obter novas funcionalidades
Adira ao Office Insider

As informações foram úteis?

Obrigado pelos seus comentários!

Obrigado pelo seu feedback! Parece que poderá ser benéfico reencaminhá-lo para um dos nossos agentes de suporte do Office.

×