Introdução ao SharePoint Designer 2010

Importante : Este artigo foi traduzido automaticamente, consulte a exclusão de responsabilidade. Veja este artigo em inglês aqui para ter uma referência.

Microsoft SharePoint Designer 2010 é um Web e o programa de estrutura da aplicação utilizada para estruturar, construir e personalizar Web sites em execução no SharePoint Foundation 2010 e Microsoft SharePoint Server 2010. Com SharePoint Designer 2010, pode criar páginas Web de dados RTF, criar soluções com capacidade de fluxo de trabalho eficientes e estruturar o aspeto e funcionalidade do seu site.

Utilize as ligações abaixo para saber mais sobre SharePoint Designer 2010 através de artigos, vídeos e outros recursos de aprendizagem. Utilize os procedimentos que se seguem para saber mais sobre as tarefas básicas que são executadas SharePoint Designer 2010.

Logótipo de Introdução

O que wan t

Sempre que a g o

Quer apenas saber o que foi alterado?   

Descobrir as novidades desta versão e saber como tirar o máximo partido das novas funcionalidades.

O que há de novo no SharePoint Designer 2010

Procura menus e comandos do 2007?   

Consultar uma tabela de comandos de menus e de barras de ferramentas na versão de 2007 e conhecer as novas localizações utilizando este livro de mapeamento.

Guias de mapeamento para aplicações do Microsoft Office

Nunca utilizou o SharePoint Designer?   

Saiba o que SharePoint Designer 2010 é tudo sobre e como fazer com que o máximo partido da mesma na sua organização.

Introdução ao SharePoint Designer 2010

Procura formação para si e para outros membros da sua equipa?   

Tornam-se mais produtivo nesta versão com formação sobre SharePoint Designer 2010.

Formação do Microsoft Office

Tarefas básicas no SharePoint Designer 2010

Abrir e criar sites SharePoint

Criar listas, bibliotecas e ligações para origens de dados

Criar vistas e formulários personalizados

Criar fluxos de trabalho personalizados

Criar páginas de sites, páginas mestras e esquemas de página

Guardar como um modelo

Abrir e criar sites SharePoint

Na SharePoint Designer 2010, pode abrir sites do SharePoint existentes no servidor e como personalizá-los de início e pode criar novos sites com base em modelos de site do SharePoint ou sites de novas e vazias que personalizar de raiz.

Abrir sites

Para abrir um site existente, clique no separador Ficheiro, escolha Sites e efectue um dos seguintes procedimentos:

  • Clique em Abrir Site para procurar sites disponíveis no servidor.

  • Clique em Personalizar O Meu Site para abrir e personalizar O Meu Site.

  • Em Sites Recentes seleccione um site no qual tenha estado a trabalhar anteriormente.

Criar sites

Para criar um novo site, clique no separador Ficheiro, escolha Sites e efectue um dos seguintes procedimentos:

  • Clique em Novo Web Site em Branco para criar um site SharePoint em branco.

  • Clique em Adicionar Subsite a O Meu Site para criar um novo site em O Meu Site.

  • Em Modelos de Site, selecione um modelo para criar um novo site com base em um modelo do SharePoint.

Nota : Para além de abertura e criação de sites a partir de SharePoint Designer 2010, pode abrir um site SharePoint utilizando o browser e, em seguida, abra esse site no SharePoint Designer 2010 utilizando as ligações disponíveis no menu Ações do Site, no Friso e noutros locais no SharePoint.

Início da Página

Criar listas, bibliotecas e ligações para origens de dados

No SharePoint Designer 2010, pode criar listas e bibliotecas, o que geralmente servem como origem de dados de sites do SharePoint, e pode criar ligações de origem de dados para ficheiros XML, bases de dados externas e serviços Web.

Listas e bibliotecas do SharePoint

Para criar uma lista ou biblioteca do SharePoint, clique em Listas e Bibliotecas no painel Navegação e escolha uma das seguintes opções no separador Listas e Bibliotecas:

  • Clique em Lista Personalizada para criar uma lista de raiz.

  • Clique em Lista do SharePoint para criar uma lista com base num modelo de lista do SharePoint.

  • Clique em Biblioteca de Documentos para criar uma biblioteca com base num modelo de biblioteca do SharePoint.

  • Clique em Lista Externa para criar uma lista externa com base num tipo de conteúdo externo. (Os tipos de conteúdo externo são explicados abaixo.)

  • Clique em Lista a Partir de Folha de Cálculo para criar uma lista com base numa folha de cálculo importada.

Ligações de origem de dados

Para criar uma ligação de origem de dados, clique em Origens de Dados no painel Navegação e escolha uma das seguintes opções no separador Origens de Dados.

  • Clique em Origem de Dados Ligada para criar uma ligação de dados a várias origens de dados.

  • Clique em Ligação de Base de Dados para criar uma ligação de dados a uma base de dados que suporte o protocolo OLE DB ou ODBC.

  • Clique em Ligação do Serviço SOAP para criar uma ligação a um serviço Web XML utilizando o protocolo SOAP (Simple Object Access Protocol).

  • Clique em Ligação de Serviço REST para criar uma ligação a um script do lado do servidor utilizando REST (Representational State Transfer).

  • Clique em Ligação de Ficheiro XML para criar uma ligação a um ficheiro de origem XML.

Tipos de conteúdo externo

A utilização de tipos de conteúdo externo permite ligar a origens de dados de negócio externas e integrar essas origens no site SharePoint e aplicações cliente suportadas. Depois de criar um tipo de conteúdo externo, pode criar listas externas que permitem aos utilizadores interagir com os dados como se se tratasse de uma lista ou biblioteca do SharePoint.

Para criar um tipo de conteúdo externo, execute estes passos:

  1. Clique em Tipos de Conteúdo Externo no painel Navegação.

  2. No separador Tipos de Conteúdo Externo, clique em Tipo de Conteúdo Externo e estruture as operações do tipo de conteúdo externo, campos, operações, etc.

Início da Página

Criar vistas e formulários personalizados

No SharePoint Designer 2010, pode criar vistas personalizadas e formulários para os seus dados fontes, que realmente tornam-se a interface para leitura e escrita dados a essas origens de dados.

Vistas

Uma vista é uma apresentação personalizada live de uma origem de dados que pode ser adicionada a qualquer página do SharePoint. No SharePoint Designer 2010 pode criar vistas de lista (que utilizam a peça Web de vista de lista de XSLT) e vistas de dados (que utilizam a peça Web formulário de dados). Execute um dos seguintes passos para criar uma vista de lista ou de dados.

  • No painel Navegação, clique em Listas e Bibliotecas, seleccione a lista para a qual pretende criar uma vista e, em seguida, no separador Definições de Lista, clique em Vista de Lista.

    Nota : Este procedimento cria uma vista associada à lista ou biblioteca. Deste modo, os utilizadores visualizarão a vista e poderão personalizar a vista utilizando o grupo Gerir Vistas no friso do SharePoint.

  • No painel Navegação, clique em Páginas do Site, edite a página onde pretende criar a vista, clique no separador Inserir, escolha Vista de Dados e, em seguida, escolha a lista ou biblioteca do SharePoint que pretende utilizar para a vista.

Formulários

Um formulário é uma apresentação personalizada de uma origem de dados que utiliza para submeter, ou escrever de volta para a origem de dados. No SharePoint Designer 2010 pode criar formulários de lista e formulários de dados (ambos que utilizam a peça Web formulário de dados). Execute um dos seguintes passos para criar um formulário de lista ou de dados.

  • No painel Navegação , clique em Listas e Bibliotecas, seleccione a lista para a qual pretende criar um formulário e no separador Definições de Lista, clique em Formulário de Lista.

  • No painel Navegação, clique em Páginas do Site, edite a página na qual pretende criar o formulário, clique no separador Inserir, escolha Novo Formulário de Itens, Editar Formulário de Itens ou Mostrar Formulário de Itens e seleccione a origem de dados que pretende utilizar para o formulário.

Nota : Além de utilizar as ferramentas de estrutura de formulário no SharePoint Designer 2010, pode criar e personalizar formulários do SharePoint utilizando o Microsoft InfoPath 2010.

Início da Página

Criar fluxos de trabalho personalizados

No SharePoint Designer 2010, pode gerir processos de negócio com fluxos de trabalho altamente personalizados. Fluxos de trabalho podem ser utilizados para gerir processos de aplicação bem humanos processos de colaboração. Tem um número de opções quando criar fluxos de trabalho.

Criar fluxos de trabalho no SharePoint Designer 2010

Quando criar um fluxo de trabalho, pode criá-lo com base numa lista ou biblioteca do SharePoint; pode criar um fluxo de trabalho reutilizável que possa ser aplicado a qualquer lista ou biblioteca e pode criar um fluxo de trabalho de sites que funcione ao nível do site.

Para criar estes fluxos de trabalho, clique em Fluxos de Trabalho no painel Navegação e, em seguida, no separador Fluxos de Trabalho, execute um dos seguintes passos:

  • Clique em Fluxo de Trabalho de Lista e escolha a lista à qual pretende associar o fluxo de trabalho.

  • Clique em Fluxo de Trabalho Reutilizável para criar um fluxo de trabalho reutilizável que possa ser associado a qualquer lista ou biblioteca.

  • Clique em Fluxo de Trabalho de Site para criar um fluxo de trabalho que possa ser aplicado ao nível do site.

Depois de criar o fluxo de trabalho, utilize o estruturador de fluxos de trabalho para estruturar as condições, acções e passos no fluxo de trabalho. Utilize o estruturador de tarefas para gerir os eventos associados a cada tarefa.

Importar fluxos de trabalho a partir de Microsoft Visio 2010

Para além de criar fluxos de trabalho no SharePoint Designer 2010, pode importar um fluxo de trabalho de forma profissional no Microsoft Visio 2010 utilizando o fluxo de trabalho fornecido stencils e modelos.

Para importar um fluxo de trabalho, clique em Fluxos de Trabalho no painel Navegação e, em seguida, no separador Fluxos de Trabalho, execute um dos seguintes passos:

  1. Clique em Importar do Visio e, em seguida, procure o ficheiro Visio Workflow Interchange (.vwi) no sistema de ficheiros ou biblioteca de documentos do SharePoint.

  2. Escolha associar o fluxo de trabalho a uma lista ou torná-la num fluxo de trabalho reutilizável e clique em Concluir.

  3. Comece a personalização do fluxo de trabalho no SharePoint Designer.

Início da Página

Criar páginas de sites, páginas mestras e esquemas de página

No SharePoint Designer 2010, pode criar e personalizar páginas de sites, páginas mestras e esquemas de página. Enquanto cada uma das seguintes páginas tem uma finalidade diferente, a experiência de edição da página é semelhante. Pode adicionar e remover texto, imagens, ligações, tabelas, peças Web, controlos de servidor e mais. Aplica as definições de estilo e folhas de estilo em cascata a sua páginas mestras e esquemas de página para alterar o aspeto e funcionalidade do seu site ou atribua-o para corresponder a sua identidade da empresa.

Páginas de sites

Para criar uma página de site, clique em Páginas do Site no painel Navegação e, em seguida, no separador Páginas, execute um dos seguintes passos:

  • Clique em Página de Peças Web para criar uma página com Peças Web de cabeçalho e corpo e que esteja associada à pagina mestra do site.

  • Clique em Página e escolha ASPX ou HTML para criar uma página de site vazia, que não esteja associada à página mestra do site.

Páginas mestras

  • Clique em Páginas Mestras no painel Navegação e, em seguida, no separador Páginas Mestras, clique em Página Mestra em Branco.

Esquemas de página

  • Clique em Esquemas de Página no painel Navegação e, em seguida, no separador Esquemas de Página, clique em Novo Esquema de Página e escolha o nome e o grupo do tipo de conteúdo em que pretende basear o esquema da página.

Nota : Páginas mestras e esquemas de página são desativadas por predefinição para todos os utilizadores, exceto os administradores da coleção de sites. Se não vir a opção para ver ou editar páginas mestras ou esquemas de página no SharePoint Designer 2010, contacte o administrador do site sobre a ativação destas opções.

Início da Página

Guardar como um modelo

Quando tiver terminado a personalização do site, pode guardar o site ou partes do site como um modelo para que possa ser utilizado por outros utilizadores na organização para criar listas, vistas, fluxos de trabalho, páginas de sites, etc.

Também pode utilizar o modelo para personalizar o site noutro ambiente ou por outros utilizadores, como no browser ou no Microsoft Visual Studio.

Procure a opção Guardar como modelo no SharePoint Designer 2010 tirar partido desta funcionalidade.

Início da Página

Nota : Exclusão de Responsabilidade da Tradução Automática: Este artigo foi traduzido por um sistema informático sem intervenção humana. A Microsoft fornece estas traduções automáticas para ajudar utilizadores que não falam inglês a desfrutarem de conteúdos acerca dos produtos, serviços e tecnologias da Microsoft. Uma vez que o artigo foi traduzido de forma automática, é possível que contenha erros de vocabulário, sintaxe ou gramática.

Partilhar Facebook Facebook Twitter Twitter E-mail E-mail

As informações foram úteis?

Ótimo! Tem mais feedback?

Como podemos melhorá-lo?

Obrigado pelos seus comentários!

×