Como reduzir a quantidade de spam no Office 365

Recebendo muito spam no Office 365? Faça isto.

Vários problemas de spam no Office 365 podem ser resolvidos vendo os cabeçalhos das mensagens e determinando o que deu errado. Se você vir um cabeçalho de mensagem chamado X-Forefront-Antispam-Report que contém a cadeia de caracteres SFV:NSPM, isso significa que o EOP (Proteção do Exchange Online) verificou a mensagem e não achou que era spam. Nesse caso, recomendamos que você reporte as mensagens de spam à Microsoft para ajudar a melhorar nossos filtros. Se você não vir esse valor nos cabeçalhos, isso poderá significar que o email não passou pela verificação de spam ou que houve um problema de configuração que fez com que a mensagem fosse ignorada. Nesse caso, confira as informações abaixo.

Saiba mais sobre os cabeçalhos de mensagem antispam.

Soluções para causas comuns de excesso de spam

Para se proteger do excesso de spam, o EOP (Proteção do Exchange Online) requer que os administradores concluam algumas tarefas. Se você não for o administrador do locatário do Office 365 e estiver recebendo muito spam, trabalhe com seu administrador nessas tarefas. Caso contrário, ignore a seção do usuário.

Para administradores

  • Aponte seus registros DNS para o Office 365 Para que o EOP ofereça proteção, os registros DNS do MX (servidor de mensagens) de todos os domínios devem estar apontados para o Office 365, e somente para ele. Se o MX não aponta para o Office 365, então o EOP não fornece proteção de filtro de spam aos usuários. Confira Criar registros de DNS para o Office 365.

  • Habilitar a regra de lixo eletrônico em todas as caixas de correio Por padrão, a ação de filtragem de spam está definida como Mover mensagem para a pasta Lixo Eletrônico. Se esta for a ação de política de spam preferida e atual, então, cada caixa de correio também deverá ter a regra de lixo eletrônico habilitada. Para verificar isso, execute o cmdlet Get-MailboxJunkEmailConfiguration em relação a uma ou mais caixas de correio. Por exemplo, marque todas as caixas de correio, executando o seguinte: Get-MailboxJunkEmailConfiguration -Identity * | Where {$_.Enabled -eq $false}

    Ao visualizar a saída, a propriedade Enable deve ser definida como True. Se estiver definida como False, execute Set-MailboxJunkEmailConfiguration para alterá-la para True.

  • Verifique suas listas seguras e regras de fluxo de email Procure o cabeçalho da mensagem para uma mensagem que deveria ter sido marcada como spam. Localize a propriedadeSCLno cabeçalhoX-Forefront-Antispam-Report . Se o valor SCL for -1, isso indicará que a mensagem foi marcada como confiável e ignorada na filtragem de spam EOP. Investigue as regras de fluxo de email, listas de permissões e os destinatários das listas de remetentes permitidas. Um rastreamento de mensagens também será útil para fornecer detalhes sobre o motivo pelo qual uma mensagem recebeu um SCL de -1.

  • Criar regras de fluxo de email no Exchange Server no local Se você está usando o Proteção do Exchange Online, mas suas caixas de correio estão localizadas no Exchange Server no local, então você precisa criar algumas regras de fluxo de email no Exchange Server no local. Confira as instruções somente para EOP.

  • Marcar emails em massa como spam Email em massa é o email no qual os usuários podem ter se inscrito, mas ainda são indesejados. No cabeçalho da mensagem, localize a propriedadeBCL (Nível de Confiança em Massa) no cabeçalho X-Microsoft-Antispam . Se o valor BCL for menor que o limite definido no filtro de spam, ajuste o limite para marcar esses tipos de mensagens em massa como spam. Usuários diferentes têm tolerâncias e preferências diferentes para como o email em massa é tratado. É possível criar regras ou políticas diferentes para as preferências de usuários diferentes.

  • Bloquear imediatamente um remetente Caso você precise bloquear imediatamente um remetente, é possível bloquear pelo endereço de email, domínio ou endereço IP. Confira Bloquear spam de email com o filtro de spam do Office 365 para evitar problemas de falso negativo. Uma entrada em uma lista de permissões do usuário final pode substituir um conjunto de bloqueios definido pelo administrador.

  • Habilitar um suplemento de mensagem de relatório para usuários Recomendamos habilitar o suplemento de mensagem de relatório para os seus usuários. Como administrador, você também pode visualizar o comentário que seus usuários estão enviando e usar qualquer padrão para ajustar as configurações que podem causar problemas.

Para usuários

  • Habilitar a regra de lixo eletrônico e verificar sua lista de permissões Verifique se a regra de ação de lixo eletrônico está habilitada e se, na lista de permissão pessoal, o remetente ou domínio do remetente não estão definidos como ignorar. A melhor maneira de acessar essas configurações é no Outlook na Web. Nele você também pode optar por bloquear o domínio ou endereço de email do remetente.

  • Reportar spam para a Microsoft Reporte as mensagens de spam para a Microsoft usando o recurso Reportar mensagem. Além disso, é possível enviar uma mensagem para junk@office365.microsoft.com e anexar uma ou mais mensagens para relatar.

    Importante Se você não encaminhar as mensagens como anexos, então os cabeçalhos estarão ausentes e não será possível melhorar o filtro de lixo eletrônico no Office 365.

  • Cancelar assinatura de email em massa Se a mensagem for de algo no qual você se inscreveu (por exemplo, boletins informativos ou lançamentos de produtos) e contiver um link para cancelar assinatura de uma fonte respeitável, basta apenas cancelar a assinatura. O Office 365 normalmente não trata essas mensagens como spam. Também é possível optar por bloquear o remetente ou pedir ao seu administrador para fazer uma alteração para que todos os emails em massa sejam tratados como spam.

Expanda suas habilidades no Office
Explore o treinamento
Obtenha novos recursos primeiro
Ingressar no Office Insider

Essas informações foram úteis?

Obrigado por seus comentários!

Agradecemos pelos seus comentários! Parece que pode ser útil conectar você a um de nossos agentes de suporte do Office.

×