Relações de uso

Criar relações usando o Assistente de Pesquisa

Seu navegador não oferece suporte a vídeo. Instale o Microsoft Silverlight, o Adobe Flash Player ou o Internet Explorer 9.

O Assistente de Pesquisa estabelece uma relação entre tabelas selecionadas. Ele cria uma chave estrangeira que se refere à chave primária de outro.

Criar uma relação utilizando o Assistente de Pesquisa

  1. No Modo de Exibição de Folha de Dados, abra a tabela que fará a busca por dados de outra tabela. Essa é a sua tabela filho.

  2. Na coluna mais à direita, selecione Clique para Adicionar e, em seguida, selecione Pesquisa e Relacionamento.

    Adicionar uma nova coluna de tabela, digite "Pesquisa e Relação"
  3. No Assistente de Pesquisa, selecione Desejo que o campo de pesquisa obtenha os valores de outra tabela ou consulta. Em seguida, selecione Avançar.

  4. Selecione a tabela que fornecerá os valores para o campo de pesquisa. Esta é a sua tabela pai. Em seguida, selecione Avançar.

  5. Para selecionar os campos dos quais você deseja extrair dados, defina a ordem de classificação para os campos e defina a largura da coluna. Siga as instruções na página.

    Dica : Quando você definir a largura da coluna, para obter um visual mais limpo na tabela, selecione Ocultar coluna chave. Ela não afeta a relação ou a sincronização de dados entre as tabelas.

  6. Selecione um campo que identifica exclusivamente as linhas na tabela pai.

  7. Insira o nome para o novo campo de pesquisa, selecione Habilitar Integridade de Dados e escolha ou Exclusão em Cascata ou Exclusão Restrita.

    Dica : Nomeie o campo de uma maneira que reflita os dados e observe que é um campo de chave estrangeira, por exemplo, Cliente IDFK.

  8. Selecione Concluir e selecione Salvar Salvar .

Você criou uma relação e uma chave estrangeira e parâmetros de sincronização de dados especificados entre as duas tabelas.

Criar uma relação entre tabelas

Se você quiser alterar a relação da tabela, primeiro feche as tabelas.

  1. Selecione Ferramentas de Banco de Dados > Relações.

  2. Selecione a linha de relação entre as duas tabelas.

    Uma relação um-para-muitos
  3. Selecione Design > Editar Relações.

  4. Na caixa de diálogo Editar Relações, faça suas alterações e, em seguida, selecione OK.

  5. Para salvar suas alterações, selecione Salvar Salvar .

Quer mais?

Criar uma relação

Excluir uma relação

Treinamento do Excel

Treinamento do Outlook

Uma das maneiras mais fáceis de criar uma relação um-para-muitos é usar uma ferramenta chamada ASSISTENTE de PESQUISA. O assistente faz dois trabalhos por você.

Ela cria a relação e, quando terminar, você pode usar o campo de chave estrangeiro para escolher valores de tabela no lado UM ou da tabela pai, da relação.

Isso facilita a entrada de dados. Em nosso exemplo, tudo o que precisamos fazer é selecionar um nome que seja um valor no lado UM e inserir um número de telefone.

Quando você usa o assistente, não precisa de campo de chave estrangeira na tabela filho porque o assistente cria um para você. Mas se você já tiver uma chave estrangeira, tudo bem, pode usá-la.

Aqui está um exemplo de banco de dados. Ele não tem uma chave estrangeira.

Para começar, selecione o título de um campo em branco ou selecione o título da sua chave estrangeira, caso tenha alguma.

Escolha Pesquisa e Relação e o assistente se inicia.

Use a primeira opção para procurar valores de outra tabela e selecione Avançar.

Selecione a tabela pai... Clientes... e depois selecione Avançar.

Precisamos procurar os valores no campo Nome do Cliente, portanto, selecione-o e mova-o. Este é um campo calculado.

Usamos esse campo há cerca de um minuto. Observe que ele mostra o nome completo. Assim, você não precisa ficar adivinhando na hora de escolher os dados certos. Com um campo de pesquisa, a entrada de dados é mais rápida e precisa.

Escolha Avançar. A ordem de classificação é opcional, então vamos ignorá-la e simplesmente selecionar Avançar.

Via de regra, convém ocultar a coluna-chave porque, se estiver visível, ela só deixará o banco de dados mais confuso, então selecione Avançar.

Vamos nomear o campo como CE da ID do Cliente, o que indica que o campo pai é a ID do Cliente, e CE lembra que é uma chave estrangeira.

Agora, vamos selecionar Habilitar Integridade de Dados e Exclusão em Cascata. Assim, você habilita a integridade referencial e as exclusões em cascata. Selecione Concluir e aqui está seu campo.

Por fim, vamos fazer uma alteração na relação. Para fazer isso, precisamos fechar a tabela de números de telefone. Você não pode alterar uma relação se uma das tabelas envolvidas nela está aberta.

Depois de fecharmos a tabela, na guia Ferramentas de Banco de Dados, selecionamos Relações. Vamos selecionar a linha da relação e, em seguida, na faixa de opções, vamos selecionar Editar Relações.

Repare que as opções Integridade Referencial e Exclusões em Cascata estão selecionadas. Vamos também habilitar a opção intermediária Propagar Atualização dos Campos Relacionados, selecione OK e pronto.

Acabamos de criar uma relação um para muitos com o Assistente de Pesquisa, criamos uma chave estrangeira e alteramos uma configuração de relação.

Expanda suas habilidades
Explore o treinamento
Obtenha novos recursos primeiro
Ingressar no Office Insider

Essas informações foram úteis?

Obrigado por seus comentários!

Agradecemos pelos seus comentários! Parece que pode ser útil conectar você a um de nossos agentes de suporte do Office.

×