O que você precisa saber sobre migrar caixas de correio IMAP para o Office 365

Você pode migrar o conteúdo de caixas de correio de usuário do seu sistema de email de origem para o Office 365. Use o IMAP para migrar emails quando:

  • O sistema de email de origem tiver suporte para IMAP.

Se essa opção não funcionar para você, consulte Maneiras de migrar o email para o Office 365 para obter outras opções.

Para ver as etapas do Windows PowerShell, confira Usar o PowerShell para realizar uma migração IMAP para o Office 365.

Informações a serem consideradas

Estas são algumas limitações a serem consideradas:

  • Você pode migrar somente itens em uma caixa de entrada de usuário ou em outras pastas de email. Este tipo de migração não migra contatos, itens de calendário ou tarefas.

  • Você pode migrar um máximo de 500.000 itens da caixa de correio de um usuário (os emails são migrados do mais recente para o mais antigo).

  • O tamanho máximo de email que você pode migrar é de 35 MB.

  • Se você limitou as conexões ao seu sistema de email de origem, é uma boa ideia aumentá-las para melhorar o desempenho da migração. Limites de conexão comuns incluem total de conexões cliente/servidor, conexões por usuário e conexões de endereço IP no servidor ou no firewall.

Impacto da migração para os usuários

Para migrar o email, você precisa de acesso às caixas de correio do usuário no seu sistema de email de origem. Se você souber as senhas de usuário ou puder acessar suas caixas de correio usando as credenciais de administrador, não haverá qualquer impacto para os usuários até que você desligue o sistema de email de origem.

Se não for possível acessar as caixas de correio de usuário, você terá que redefinir as senhas. Isso permite o acesso às caixas de correio de usuário usando uma nova senha que você conhece. Se os usuários não conhecerem as novas senhas, eles não poderão acessar suas caixas de correio antigas durante ou após a migração de email. Você pode distribuir as novas senhas após a migração se quiser que os usuários acessem suas caixas de correio antigas.

Como funciona a migração de IMAP?

As principais etapas realizadas em uma migração de email por IMAP são mostradas na ilustração a seguir.

Processo para uma migração de email IMAP

Estas etapas gerais se aplicam quer você esteja migrando do Gmail ou de outro sistema IMAP.

  1. Em primeiro lugar, você tem de criar seus usuários no Office 365 e atribuir licenças a eles. Para usar a migração IMAP, as caixas de correio devem existir no Office 365.

  2. Prepare o sistema de email de origem IMAP e obtenha as informações que precisa para migrar. Se planeja migrar seu domínio para o Office 365, verifique com o seu registrador de domínios se você é o proprietário do domínio.

    Dependendo do tipo de serviço de email a partir do qual você está migrando, talvez você precise definir algumas configurações ou simplesmente registrar o nome do seu servidor ou serviço de email para usar posteriormente. Você também precisa verificar o seu domínio com o seu sistema de registro de domínio, se você tiver um domínio personalizado.

  3. Comunicar as alterações aos usuários.

    Informar os usuários sobre a migração de emails e como isso os afeta é uma boa ideia. Forneça informações sobre quais tarefas precisam ser feitas antes, durante e após a migração.

  4. Configurar credenciais de administrador ou obter ou redefinir senhas de email de usuários.

    Para executar a migração, você precisa de uma conta de administrador que tenha permissões, ou o nome de usuário e a senha para cada caixa de correio.

  5. Se você estiver usando as etapas descritas em Migrar caixas de correio do Google Apps para o Office 365 ou Migrar outros tipos de caixas de correio IMAP para o Office 365, você criará uma lista de caixas de correio para migrar (arquivo CSV). Essas instruções de migração começam a partir do Centro de administração do Exchange, e você precisa criar um arquivo CSV que liste os endereços de email, nomes de usuário e senhas das caixas de correio que você deseja migrar.

    Você também pode usar as instruções de instalação ou a página de migrações na visualização do Centro de administração para migrar de sistemas IMAP como o Gmail, Hotmail.com ou Outlook.com. Estas etapas são a melhor opção se você planeja migrar emails para apenas alguns usuários (menos de 50). Se você estiver migrando emails para mais usuários, é mais fácil usar um arquivo CSV para inserir todas as informações das contas.

  6. Conecte o Office 365 ao sistema de email.

    Para migrar emails com êxito, o Office 365 precisa se conectar e se comunicar com o sistema de email de origem. Para isso, o Office 365 usa um ponto de extremidade de migração, as configurações que são usadas para criar a conexão.

  7. Migrar caixas de correio e verificar a migração.

    Para migrar caixas de correio, você cria um lote de migração e, em seguida, inicia a migração. Após a migração ser executada em lotes, verifique se o email foi migrado com êxito.

  8. Otimize as configurações de email (opcional).

    Há algumas configurações que você pode configurar para que não demore tanto para que o email comece a ser exibido nas suas caixas de correio do Office 365. Consulte Dicas para otimizar as migrações IMAP.

  9. Iniciar o roteamento de email para o Office 365.

    Você precisa alterar um registro DNS chamado registro MX para que seu sistema de email possa iniciar o roteamento de email para o Office 365.

  10. Verifique o roteamento e, em seguida, interrompa a sincronização de email.

    Depois de você verificar que todos os emails estão sendo roteados para o Office 365, você pode excluir o lote de migração para parar a sincronização entre o seu sistema de email de origem e o Office 365.

  11. Envie uma carta de boas-vindas aos usuários.

    Informe os seus usuários sobre o Office 365 e como entrar em suas novas caixas de correio.

Pronto para começar?

Para concluir uma migração de email com êxito, é uma boa ideia estar à vontade para realizar estas tarefas:

  • Criar uma lista de caixas de correio para migrar para o Excel. Adicionar os endereços de email dos seus usuários, nomes de usuário e senhas a esse arquivo.

  • Usar assistentes passo a passo no Office 365 para configurar e iniciar o processo de migração.

  • Depois de migrar o email, você altera o registro MX da sua organização para apontar para o Office 365 quando a migração estiver concluída. O seu registro MX é como os outros sistemas de email encontram o local do seu sistema de email. Alterar o registro MX permite que outros sistemas de email comecem a enviar emails diretamente para as novas caixas de correio do Office 365. Para muitos provedores DNS, temos instruções específicas para alterar o seu registro MX. Se o seu provedor de DNS não for incluído, ou você desejar ter uma noção das instruções gerais, nós também fornecemos instruções gerais de registro MX.

Se estiver familiarizado com o que a migração de caixas de correio para o Office 365 envolve, você está pronto para começar. A primeira etapa é determinar de que sistema de email de origem você está migrando:

Consulte Também

Dicas para otimizar as migrações IMAP

Saiba mais sobre como configurar a conexão do servidor IMAP

Expanda suas habilidades
Explore o treinamento
Obtenha novos recursos primeiro
Ingressar no Office Insider

Essas informações foram úteis?

Obrigado por seus comentários!

Agradecemos pelos seus comentários! Parece que pode ser útil conectar você a um de nossos agentes de suporte do Office.

×