Mapa de fim de vida útil do SharePoint Server 2007

Em 10 de outubro de 2017, o Microsoft Office SharePoint Server 2007 chegará ao fim da vida útil. Se você ainda não iniciou a migração do SharePoint Server 2007 para o Office 365 ou para uma versão mais nova do SharePoint Server local, está na hora de começar o planejamento. Este artigo apresenta detalhes sobre os recursos que auxiliam a migração de dados para o SharePoint Online ou a atualização do SharePoint Server local.

O que significa o fim da vida útil?

O SharePoint Server, assim como quase todos os produtos da Microsoft, tem um ciclo de vida com suporte durante o qual fornecemos novos recursos, correções de erros, correções de segurança, entre outras coisas. O ciclo de vida em geral dura dez anos a partir da data do lançamento inicial do produto, e o fim desse ciclo de vida é conhecido como o fim da vida útil do produto. Ao fim da vida útil, a Microsoft não fornecerá mais:

  • suporte técnico para os problemas que possam ocorrer;

  • correções de erros para os problemas que forem encontrados e que possam impactar na estabilidade e na usabilidade do servidor;

  • correções de segurança para vulnerabilidades que forem encontradas e que possam deixar o servidor vulnerável a violações de segurança;

  • atualizações de fusos horários.

No entanto, o farm do SharePoint Server 2007 ainda ficará operacional após o dia 10 de outubro de 2017, mas nenhuma atualização, patch ou correção será enviada para o produto (incluindo patches e correções de segurança). O Suporte da Microsoft terá todos os esforços focados nas versões mais recentes do produto. Como sua instalação não terá mais suporte nem receberá mais patches, com a aproximação do fim da vida útil, você deverá atualizar seu produto ou migrar os dados importantes.

Dica : Se você ainda não planejou a atualização ou a migração, confira este artigo sobre as opções a considerar na migração do SharePoint 2007 para ver exemplos e saber como começar. Você também pode procurar Parceiros da Microsoft que podem ajudar na atualização ou na migração para o Office 365 (ou em ambos).

Para obter mais informações sobre o fim da vida útil dos servidores do Office 2007, confira o artigo sobre como planejar a atualização dos servidores do Office 2007.

Quais são minhas opções?

O primeiro passo é acessar o site sobre o ciclo de vida de produto. Se você tem um produto local da Microsoft que é antigo, você deve procurar a data do fim da vida útil dele, para poder agendar a atualização ou a migração um ano antes ou com a antecedência necessária para realizar sua migração. Ao escolher a próxima etapa, é importante pensar no que é bom, melhor ou ideal no que se refere aos recursos dos produtos. Veja aqui um exemplo:

Bom

Melhor

Ideal

SharePoint Server 2010

SharePoint Server 2013

SharePoint Online

SharePoint Híbrido

SharePoint Server 2016

SharePoint Híbrido

Se você escolher as opções no nível mais baixo da escala (bom o suficiente), lembre-se de que precisará começar a planejar a atualização assim que a migração do SharePoint Server 2007 estiver concluída. (O fim da vida útil do SharePoint Server 2007 será em 10 de outubro de 2017; o fim da vida útil do SharePoint Server 2010 está agendado para 10 de julho de 2022. Essas datas estão sujeitas a alterações. Confira o site sobre ciclo de vida de produto.)

O que devo fazer em seguida?

O SharePoint Server pode ser instalado localmente em seus servidores ou você pode usar o SharePoint Online, um serviço online que faz parte do Microsoft Office 365. Você pode optar por:

  • migrar para o SharePoint Online;

  • atualizar o SharePoint Server local;

  • fazer ambos;

  • implementar uma solução hibrida do SharePoint.

Fique atento aos custos ocultos associados a manter um farm de servidor em execução, manter ou migrar personalizações e atualizar o hardware de acordo com o que o SharePoint Server precisa. Ter um farm do SharePoint Server local compensa se for necessário. Caso contrário, se você executa o farm em servidores herdados do SharePoint, sem uma personalização muito intensa, uma migração planejada para o SharePoint Online pode ser útil.

Importante : Há ainda outra opção, caso o conteúdo do SharePoint 2007 não seja usado com muita frequência. Alguns administradores do SharePoint optaram por criar uma assinatura do Office 365, configurar um novo site do SharePoint Online e fazer uma limpeza no SharePoint 2007, levando apenas os documentos mais essenciais para os novos sites do SharePoint Online. A partir daí, os dados podem ser drenados do site do SharePoint 2007 para arquivos mortos. Reflita sobre como os usuários utilizam os dados na instalação do SharePoint 2007. Há maneiras criativas de resolver esse problema.

SharePoint Online (SPO)

SharePoint Server local

Alto custo em tempo (plano / execução / verificação)

Alto custo em tempo (plano / execução / verificação)

Baixo custo monetário (não é necessária a compra de hardware)

Alto custo monetário (hardware + desenvolvedores/administradores)

Custo único na migração

Custo único repetido por migração futura

Baixo custo total de posse/manutenção

Alto custo total de posse/manutenção

Ao migrar para o Office 365, a transferência única acarretará um custo direto mais alto, enquanto você estiver organizando os dados e decidindo o que será enviado à nuvem e o que será deixado para trás. No entanto, as atualizações a partir desse momento serão automáticas e você não precisará mais gerenciar as atualizações de software e hardware; e o tempo de atividade de seu farm estará protegido pelo Contrato de Nível de Serviço da Microsoft (SLA).

Migrar para o SharePoint Online

Analise a descrição do produto para verificar se o SharePoint Online tem todos os recursos necessários. Aqui está o link para todas as descrições de serviço do Office 365:

Descrições de Serviço do Office 365

Não é possível migrar diretamente do SharePoint 2007 para o SharePoint Online. A mudança para o SharePoint Online deve ser feita manualmente. Se você atualizar para o SharePoint Server 2013 ou para o SharePoint Server 2016, a mudança também pode envolver o uso da API de migração do SharePoint (para migrar informações para o OneDrive for Business, por exemplo).

Prós do Online

Contras do Online

A Microsoft fornece o hardware para o SPO e toda a administração de hardware.

Os recursos disponíveis podem ser diferentes entre o SharePoint Server local e o SPO.

Você é o administrador global da assinatura e pode designar administradores aos sites do SPO.

Algumas ações disponíveis para o Administrador do Farm no SharePoint Server local não estão incluídas (ou não são necessárias) na função de Administrador do SharePoint no Office 365.

A Microsoft aplica patches, correções e atualizações ao hardware e software subjacentes.

Como não há nenhum acesso ao sistema de arquivos subjacente no serviço, algumas personalizações são limitadas.

A Microsoft publica os Contratos de nível de serviço e age rapidamente para resolver incidentes de nível de serviço.

O backup, restauração e outras opções de recuperação são automatizadas pelo serviço no SharePoint Online, e os backups são substituídos se não são usados.

Os testes de segurança e ajustes de desempenho do servidor são realizados continuamente, no serviço, pela Microsoft.

As alterações na interface do usuário e em outros recursos do SharePoint são instaladas pelo serviço e talvez precisem ser ativadas ou desativadas.

O Office 365 atende a muitos padrões setoriais: Conformidade do Office 365.

FastTrack para migração é limitada. Confira as perguntas frequentes sobre a oferta de migração para o SharePoint 2013 para obter mais detalhes.

Grande parte da atualização será manual ou por meio da API de migração do SPO descritos no Mapa de conteúdo de migração do SharePoint Online e OneDrive.

Os engenheiros de suporte da Microsoft e os funcionários no datacenter não têm acesso de administração irrestrito à sua assinatura.

Poderá haver custos adicionais se a infraestrutura de hardware precisar ser atualizada para manter a versão mais recente do SharePoint ou se for necessário um farm secundário para a atualização.

Os parceiros podem ajudar com o trabalho único de migração de seus dados para o SharePoint Online.

Os produtos online são atualizados automaticamente pelo serviço. Isso significa que embora os recursos possam ficar obsoletos, não há um fim de vida útil real.

Se você optou por criar um novo site no Office 365 e migrará manualmente os dados para ele conforme necessário, veja aqui as opções do Office 365:

Opções de plano do Office 365

Atualizar o SharePoint Server local

Não há registros históricos de maneiras de pular versões nas atualizações do SharePoint, pelo menos, não até o momento do lançamento do SharePoint Server 2016. Isso significa que as atualizações são seriais:

SharePoint 2007 | SharePoint Server 2010 | SharePoint Server 2013 | SharePoint Server 2016

Fazer o caminho completo do SharePoint 2007 para o SharePoint Server 2016 significará um investimento considerável de tempo e envolverá custos em termos de atualização de hardware (lembre-se de que os servidores SQL também devem ser atualizados), software e da administração. As personalizações deverão ser atualizadas ou descartadas, de acordo com a importância do recurso.

Observação : É possível manter seu farm do SharePoint 2007 de fim de vida útil, instalar um farm do SharePoint Server 2016 em novos componentes de hardware (para que os farms separados sejam executados lado a lado) e, em seguida, planejar e executar uma migração manual do conteúdo (baixando e carregando novamente o conteúdo, por exemplo). Lembre-se de algumas armadilhas das transferências manuais (por exemplo, transferências de documentos que substituem a última conta modificada, com o alias de conta fazendo a transferência manual) e o trabalho que precisa ser realizado com antecedência (por exemplo, recriar sites, subsites, permissões e estruturas de lista). Novamente, esse é o momento em que é preciso considerar quais dados serão movidos para o armazenamento e os que não são mais necessários. Essa é uma ação que pode reduzir o impacto da migração.
De qualquer forma, limpe seu ambiente antes da atualização. Verifique se seu farm existente está funcionando antes da atualização e (com certeza) antes da desativação!

Lembre-se de revisar os caminhos de atualização com e sem suporte:

Se você tem personalizações, é essencial ter um plano de sua atualização para cada etapa no caminho de migração:

Pro local

Con local

Controle total de todos os aspectos do farm do SharePoint, desde o hardware do servidor.

Todas as quebras e correções são de responsabilidade de sua empresa (poderá envolver o Suporte pago da Microsoft se seu produto não estiver no fim da vida útil):

Conjunto completo de recursos do SharePoint Server local com a opção de conectar seu farm local a uma assinatura do SharePoint Online por meio de uma implantação híbrida.

Atualizações, patches, correções de segurança e toda a manutenção do SharePoint Server são gerenciadas localmente.

Acesso total para personalização mais ampla.

padrões de conformidade com suporte no Office 365 devem ser configurados manualmente no local.

Os testes de segurança e os ajustes de desempenho do servidor são realizados no local (estão sob seu controle).

O Office 365 pode disponibilizar recursos do SharePoint Online que não interagem com o SharePoint Server local

Os parceiros podem ajudar na migração dos dados para a próxima versão do SharePoint Server (e depois disso).

Seus sites do SharePoint Server não usarão automaticamente certificados SSL/TLS, conforme visto no SharePoint Online.

Controle total de convenções de nomenclatura, backup, restauração e outras opções de recuperação no SharePoint Server local.

O SharePoint Server local está sujeito ao ciclo de vida do produto.

Recursos de atualização

Para começar, verifique os requisitos de hardware e software são atendidos. Em seguida, siga os métodos de atualização com suporte.

Criar uma solução híbrida do SharePoint entre o SharePoint Online e o local

Se a resposta às suas necessidades de migração está entre o autocontrole oferecido pelo SharePoint local e o baixo custo da posse oferecido pelo SharePoint Online, é possível conectar os farms do SharePoint Server 2013 ou 2016 ao SharePoint Online, por meio de uma solução híbrida. Saiba mais sobre as soluções híbridas do SharePoint

Se você decidir que um farm híbrido do SharePoint Server será bom para a sua empresa, familiarize-se com os tipos híbridos existentes e como configurar a conexão entre o farm local do SharePoint e sua assinatura do Office 365.

Uma boa maneira de ver como isso funciona é criar um ambiente de desenvolvimento e teste do Office 365. Depois que você tiver uma versão de avaliação ou comprar a assinatura do Office 365, você estará no caminho certo para criar conjuntos de sites, webs e bibliotecas de documentos no SharePoint Online para o qual você poderá migrar dados (manualmente, usando a API de migração, ou, caso queira migrar o conteúdo do My Site para o OneDrive for Business, por meio do assistente de implantação híbrida).

Observação : Lembre-se de que o farm do SharePoint 2007 precisará ser atualizado localmente para o SharePoint Server 2013 ou para o SharePoint Server 2016 para usar a opção híbrida

Tópicos relacionados

Solucionar problemas e continuar a atualização (Office SharePoint Server 2007)
Solucionar problemas de atualização (SharePoint Server 2010)
Solucionar problemas de atualização do banco de dados no SharePoint 2013
Pesquisar Parceiros da Microsoft ajudar na atualização
Planejar a atualização dos servidores do Office 2007

Expanda suas habilidades
Explore o treinamento
Obtenha novos recursos primeiro
Ingressar no Office Insider

Essas informações foram úteis?

Obrigado por seus comentários!

Agradecemos pelos seus comentários! Parece que pode ser útil conectar você a um de nossos agentes de suporte do Office.

×