Introdução ao Teste de Hipóteses

Usando ferramentas de Teste de Hipóteses no Excel, você pode usar diferentes conjuntos de valores em uma ou mais fórmulas para explorar todos os vários resultados.

Por exemplo, você pode fazer o Teste de Hipóteses para criar dois orçamentos, cada um deles pressupondo determinado nível de receita. Ou você pode especificar um resultado que deseja que uma fórmula produza e determinar quais conjuntos de valores produzirão esse resultado. O Excel oferece várias ferramentas diferentes para você executar o tipo de análise que atende às suas necessidades.

Esta é apenas uma visão geral dessas ferramentas. Há links para tópicos de ajuda para cada uma delas especificamente.

O Teste de Hipóteses é o processo de alteração dos valores nas células para ver como essas alterações afetarão o resultado das fórmulas na planilha.

Três tipos de ferramentas de Teste de Hipóteses são fornecidas com o Excel: Cenários, Atingir Meta e Tabelas de Dados. Cenários e Tabelas de Dados usam conjuntos de valores de entrada e determinam os resultados possíveis. Uma Tabela de Dados funciona com apenas uma ou duas variáveis, mas pode aceitar vários valores diferentes para essas variáveis. Um Cenário pode ter várias variáveis, mas só pode acomodar até 32 valores. Atingir Meta funciona de forma diferente de Cenários e Tabelas de Dados, pois usa um resultado e determina os possíveis valores de entrada que produzem esse resultado.

Além dessas três ferramentas, você pode instalar suplementos para executar o Teste de Hipóteses, como o Solver. O suplemento Solver é semelhante a Atingir Meta, mas pode acomodar mais variáveis. Você também pode criar previsões usando a alça de preenchimento e vários comandos que são integrados ao Excel.

Para modelos mais avançados, use o suplemento Ferramentas de Análise.

Um Cenário é um conjunto de valores que o Excel salva e pode substituir automaticamente nas células em uma planilha. Você pode criar e salvar diferentes grupos de valores em uma planilha e alternar para qualquer um desses novos cenários para exibir resultados diferentes.

Por exemplo, suponha que você tenha dois cenários de orçamento: um caso pior e um caso melhor. Você pode usar o Gerenciador de Cenários para criar os dois cenários na mesma planilha e alternar entre eles. Para cada cenário, você especifica as células que serão alteradas e os valores a serem usados para o cenário. Quando você alterna entre os cenários, a célula de resultado é alterada para refletir os valores das células variáveis diferentes.

Pior caso
Pior caso

1. Células variáveis

2. Célula de resultado

Melhor caso
Melhor caso

1. Células variáveis

2. Célula de resultado

Se várias pessoas tiverem informações específicas em pastas de trabalho separadas que você deseja usar em cenários, colete essas pastas de trabalho e mescle os cenários.

Após criar ou coletar todos os cenários necessários, crie um Relatório de Resumo de Cenário que incorpora informações desses cenários. Um relatório de cenário exibe todas as informações de cenário em uma tabela em uma nova planilha.

Relatório de resumo de cenário do Excel
Relatório de resumo de cenário

Observação : Relatórios de cenário não são recalculados automaticamente. Se você alterar os valores de um cenário, essas alterações não aparecerão em um relatório de resumo existente. Você deverá criar um novo relatório de resumo.

Se você conhece o resultado que deseja alcançar com uma fórmula, mas não tem certeza sobre o valor de entrada necessário para chegar a ele, use o recurso Atingir Meta. Por exemplo, suponha que você precise pedir algum dinheiro emprestado. Você sabe quanto dinheiro quer, quanto tempo deseja usar para pagar o empréstimo e quanto pode pagar a cada mês. Você pode usar o recurso Atingir Meta para determinar qual taxa de juros você precisará garantir para atingir seu objetivo de empréstimo.

Modelo com pagamento dependendo da taxa de juros

Observação : Atingir Meta trabalha com apenas um valor de entrada de variável. Se quiser determinar mais de um valor, por exemplo, a quantia do empréstimo e o valor do pagamento mensal de um empréstimo de entrada, você deverá usar o suplemento Solver. Saiba mais sobre o suplemento Solver na seção Preparar previsões e modelos de negócios avançados e siga os links na seção Confira também.

Se você tem uma fórmula que usa uma ou duas variáveis ou várias fórmulas que usam uma variável comum, use uma Tabela de Dados para ver todos os resultados em um só lugar. Com Tabelas de Dados, é mais fácil examinar um intervalo de possibilidades em uma visão geral. Como você se concentra em apenas uma ou duas variáveis, os resultados são fáceis de ler e compartilhar no formato de tabela. Se o recálculo automático estiver habilitado para a pasta de trabalho, os dados nas Tabelas de Dados serão recalculados imediatamente. Como resultado, você sempre terá dados atualizados.

Tabela de dados com uma só variável
Tabelas de Dados de Variável Única

Uma Tabela de Dados não pode acomodar mais de duas variáveis. Se quiser analisar mais de duas variáveis, você poderá usar Cenários. Embora seja limitada a apenas uma ou duas variáveis, uma Tabela de Dados pode usar tantos valores de variáveis diferentes quantos forem desejados. Um cenário pode ter no máximo 32 valores diferentes, mas você pode criar quantos cenários desejar.

Se quiser preparar previsões, você poderá usar o Excel para gerar automaticamente valores futuros com base em dados existentes ou gerar automaticamente os valores extrapolados baseados em cálculos de tendência de crescimento ou tendência linear.

Você pode preencher uma série de valores que correspondem a uma tendência linear simples ou uma tendência de crescimento exponencial usando a alça de preenchimento ou o comando Série. Para estender dados complexos e não lineares, você pode usar funções de planilha ou a ferramenta de análise de regressão no Suplemento Ferramentas de Análise.

Embora Atingir Meta possa acomodar apenas uma variável, você pode projetar para trás para incluir mais variáveis usando o suplemento Solver. Usando o Solver, você pode encontrar um valor ideal para uma fórmula em uma célula (chamada célula de destino) em uma planilha.

O Solver trabalha com um grupo de células que estão relacionadas à fórmula na célula de destino. O Solver ajusta os valores das células variáveis que você especifica (chamadas de células ajustáveis) para produzir o resultado que você especifica por meio da fórmula da célula de destino. Você pode aplicar restrições para restringir os valores que o Solver pode usar no modelo, e as restrições podem se referir a outras células que afetam a fórmula da célula de destino.

Início da Página

Precisa de mais ajuda?

Você pode sempre consultar um especialista na Excel Tech Community, obter suporte na Comunidade de respostas ou sugerir um novo recurso ou melhoria no UserVoice do Excel.

Consulte Também

Cenários

Atingir Meta

Tabelas de Dados

Usando o Solver para orçamentos de capital

Usando o Solver para planejamento financeiro

Usando o Solver para determinar a combinação de produtos ideal

Executar Teste de Hipóteses com a ferramenta Solver

Definir e resolver um problema usando o Solver

Suplemento de Ferramentas de Análise

Visão geral de fórmulas no Excel

Como evitar fórmulas inválidas

Usar a verificação de erros para detectar erros em fórmulas

Atalhos de teclado no Excel 2016 para Windows

Atalhos de teclado no Excel 2016 para Mac

Funções do Excel (ordem alfabética)

Funções do Excel (por categoria)

Expanda suas habilidades
Explore o treinamento
Obtenha novos recursos primeiro
Ingressar no Office Insider

Essas informações foram úteis?

Obrigado por seus comentários!

Agradecemos pelos seus comentários! Parece que pode ser útil conectar você a um de nossos agentes de suporte do Office.

×