Função PGTO

Retorna o pagamento periódico de uma anuidade de acordo com pagamentos constantes e com uma taxa de juros constante.

Sintaxe

PGTO(taxa;nper;vp;vf;tipo)

Para obter uma descrição mais detalhada dos argumentos em PGTO, consulte a função VP.

Taxa     é a taxa de juros por período.

Nper     é o número total de pagamentos pelo empréstimo.

Vp     é o valor presente — o valor total presente de uma série de pagamentos futuros.

Vf     é o valor futuro, ou o saldo, que você deseja obter depois do último pagamento. Se vf for omitido, será considerado 0 (o valor futuro de determinado empréstimo, por exemplo, 0).

Tipo     é o número 0 ou 1 e indica as datas de vencimento.

Definir tipo para

Se os vencimentos forem

0 ou não especificado

No final do período

1

No início do período


Comentários

  • O pagamento retornado por PGTO inclui o principal e os juros e não inclui taxas, pagamentos de reserva ou tarifas, às vezes associados a empréstimos.

  • Certifique-se de que esteja sendo consistente quanto às unidades usadas para especificar taxa e nper. Se fizer pagamentos mensais por um empréstimo de quatro anos com juros de 12% ao ano, utilize 12%/12 para taxa e 4*12 para nper. Se fizer pagamentos anuais para o mesmo empréstimo, use 12% para taxa e 4 para nper.

Dica    Para encontrar o total pago no período da anuidade, multiplique o valor PGTO retornado por nper.

Exemplo 1

Talvez seja mais fácil de compreender o exemplo se você copiá-lo para uma planilha em branco.

Como copiar um exemplo

  1. Crie uma pasta de trabalho ou planilha em branco.

  2. Selecione o exemplo no tópico da Ajuda.

    Observação   Não selecione os cabeçalhos de linha ou de coluna. 

    O campo de título contém palavras-chave

    Selecionando um exemplo na Ajuda

  3. Pressione CTRL+C.

  4. Na planilha, selecione a célula A1 e pressione CTRL+V.

  5. Para alternar entre exibir os resultados e exibir as fórmulas que retornam os resultados, pressione CTRL+` (acento grave) ou, na guia Fórmulas, no grupo Auditoria de Fórmulas, clique no botão Mostrar Fórmulas.

1

2

3

4

A

B

Dados

Descrição

8%

A taxa de juros anual

10

Número de meses de pagamentos

10000

A quantia do empréstimo

Fórmula

Descrição (resultado)

=PGTO(A2/12;A3;A4)

Pagamento mensal para um empréstimo nos termos acima (-1.037,03)

=PGTO(A2/12;A3;A4;0;1)

Pagamento mensal para um empréstimo nos termos acima, com exceção de vencimentos no início do período (-1.030,16)

Exemplo 2

Você pode utilizar PGTO para determinar pagamentos para anuidades em vez de empréstimos.

Talvez seja mais fácil de compreender o exemplo se você copiá-lo para uma planilha em branco.

Como copiar um exemplo

  1. Crie uma pasta de trabalho ou planilha em branco.

  2. Selecione o exemplo no tópico da Ajuda.

    Observação   Não selecione os cabeçalhos de linha ou de coluna. 

    O campo de título contém palavras-chave

    Selecionando um exemplo na Ajuda

  3. Pressione CTRL+C.

  4. Na planilha, selecione a célula A1 e pressione CTRL+V.

  5. Para alternar entre exibir os resultados e exibir as fórmulas que retornam os resultados, pressione CTRL+` (acento grave) ou, na guia Fórmulas, no grupo Auditoria de Fórmulas, clique no botão Mostrar Fórmulas.

1

2

3

4

A

B

Dados

Descrição

6%

A taxa de juros anual

18

Anos em que você pretende economizar

50.000

Quantia a ser economizada em 18 anos

Fórmula

Descrição (resultado)

=PGTO(A2/12;A3*12;0;A4)

Quantia a ser economizada a cada mês para obter 50.000 no final de 18 meses (-129.08)

Observação   A taxa de juros é dividida por 12 para se obter uma taxa mensal. O número de anos durante os quais ocorre pagamento é multiplicado por 12 para se obter o número de pagamentos.

Aplicável a: Excel 2007



Essas informações foram úteis?

Sim Não

Como podemos melhorá-lo?

255 caracteres restantes

Para proteger sua privacidade, não inclua informações de contato em seus comentários. Avalie nosso política de privacidade.

Obrigado por seus comentários!

Recursos de suporte

Alterar idioma