Ferramenta de Log do Office Communications Server 2007 R2

Use a Ferramenta de Log do Office Communications Server para configurar e monitorar sessões de depuração para os componentes do Office Communications Server.

Opções de Log

As opções específicas que deverão ser usadas em uma sessão de log (depuração), incluindo os componentes, o nível e os sinalizadores que serão registrados em log.

Componentes

Selecione os componentes para os quais deseja habilitar o log. Somente os componentes pertencentes à função do Office Communications Server na qual você está executando a Ferramenta de Log estarão disponíveis na lista.

Nível

Clique para escolher o nível apropriado de log. Cada nível inclui os níveis que o precedem na lista. Por exemplo, se você selecionar Avisos, o log incluirá Erros Fatais, Erros e Avisos.

Sinalizadores

Selecione os sinalizadores que deverão ser incluídos no log. A lista inclui somente as opções de sinalizadores disponíveis para o componente selecionado. Por padrão, TF_COMPONENT está disponível para todos os componentes.

Observação : Marque a caixa de seleção Todos os Sinalizadores para gerar rastreamentos detalhados (ou seja, a antiga opção “Trace” do LcsTracer), que poderão ser usados pelo Suporte e Atendimento ao Cliente Microsoft para ajudar na solução do problema.

Opções Globais

Incluem as opções de arquivo de log e as opções em tempo real aplicadas a todas as sessões de log.

Opções de Arquivo de Log

Selecione as opções para especificar o tipo do arquivo de log, o tamanho máximo do arquivo e se os novos arquivos de log poderão ser anexados quando cada arquivo de log atingir seu tamanho máximo.

Tipo

Especifique o tipo do arquivo de log a ser criado:

  • Log circular. Use esta opção para especificar que a gravação do arquivo de log recomeçará do início quando o tamanho máximo do arquivo for atingido.

  • Log sequencial. Use esta opção para especificar que o log será interrompido quando o tamanho máximo do arquivo for atingido.

  • Novo arquivo. Use esta opção para especificar que o log percorrerá todo o arquivo e recomeçará quando o tamanho máximo do arquivo for atingido. Isso gerará um novo arquivo de log.

Tamanho máximo

Especifique o tamanho máximo de arquivos de log individuais.

Anexar ao arquivo de log

Marque a caixa de seleção Anexar ao arquivo de log para anexar os eventos a um arquivo de log sequencial existente. Se o arquivo não existir, ele será criado. Especifique essa opção somente se você especificar o sistema (10 ms) para as configurações Resolução do Relógio nas opções avançadas da Ferramenta de Log. Do contrário, os eventos terão carimbos de data/hora incorretos.

Opções em Tempo Real

Especifique as opções para habilitar e configurar o monitoramento em tempo real:

  • Monitoramento em Tempo Real. Marque esta caixa de seleção para ver os rastreamentos na janela do console à medida que se acumulam no log.

  • Apenas exibição, sem arquivo de log. Marque esta caixa de seleção para ver os rastreamentos na janela do console, mas sem gerar um arquivo de log.

Opções de Filtro

Especifique as opções para filtrar o que será exibido na janela do console quando o monitoramento em tempo real for habilitado.

Habilitar Filtros

Marque a caixa de seleção Habilitar Filtros para habilitar a filtragem dos arquivos de log exibidos, de modo que somente o tráfego de entrada e saída dos endereços especificados seja incluído. Verifique se você também especificou os endereços de URI e FQDN.

Observação : A filtragem do rastreamento está disponível somente para os componentes SipStack e UserServices.

URI

Digite o URI de cada endereço cujos rastreamentos você deseja exibir na janela do console. O filtro exibirá somente o tráfego de entrada e saída do URI do SIP especificado.

FQDN

Digite o FQDN (nome de domínio totalmente qualificado) de cada endereço cujos rastreamentos você deseja exibir na janela do console. O filtro exibirá somente o tráfego de entrada e saída do FQDN de computador especificado.

Limpar Filtros

Clique neste botão para limpar os endereços de URI do filtro de monitoramento em tempo real.

Pasta dos Arquivos de Log

Especifique a pasta na qual os arquivos de log deverão ser criados e salvos. O padrão é %windir%\Tracing.

Procurar

Clique para procurar um local para gravar os arquivos de log.

Iniciar Log

Clique para iniciar uma sessão de log, após especificar as Opções de Log, as Opções Globais, as Opções em Tempo Real, Pasta de Arquivos de Log e quaisquer Opções Avançadas apropriadas.

Interromper Log

Clique para interromper uma sessão de log a fim de exibir e analisar os arquivos de log.

Exibir Arquivos de Log

Clique para exibir os arquivos de texto que contêm os logs capturados.

Analisar Arquivos de Log

Clique para analisar os logs de protocolo dos seguintes componentes:

  • SipStack (SIP) do Office Communications Server

  • S4 (SIP) do Office Communications Server

  • Tráfego de sinalização de Conferência do Office Communications Server (C3P), incluindo MCU Infra C3P e Focus C3P

  • Tráfego de Webconferência do Office Communications Server (PSOM)

  • Cliente UCCA (API do Cliente de Comunicação Unificada) do Office Communications Server

  • Relatórios de erros do banco de dados de arquivamento

Observação : Para exibir o tráfego de protocolo, você deve selecionar o sinalizador TF_Protocol antes de iniciar o log.

Essa funcionalidade de análise estará disponível somente se o Resource Kit do Microsoft Office Server 2007 R2 estiver instalado no computador.

Opções Avançadas

Clique para abrir a caixa de diálogo Opções Avançadas e configurar as opções avançadas, como formatação, armazenamento em buffer, resolução do relógio e componentes adicionais.

Importante :  A Microsoft recomenda que você não ajuste as opções de armazenamento em buffer, resolução do relógio, componentes adicionais, caminho de pesquisa do arquivo de formato, prefixo de arquivo de log ou de tempo real, a menos que seja aconselhado a fazer isso pelo Suporte e Atendimento ao Cliente Microsoft.

Sair

Clique para sair da ferramenta de log. Se você tiver iniciado o log, ele continuará depois que o programa for encerrado.

Saiba mais online

Clique para expandir ou recolher

A Ferramenta de Log do Office Communications Server 2007 R2, OCSLogger.exe, ajuda na solução de problemas, capturando informações de log e rastreamento do produto enquanto ele está em execução. Essa ferramenta substitui a funcionalidade de log de arquivos simples disponível nas versões anteriores do produto. A Ferramenta de Log gera arquivos de log por servidor e deverá estar sendo executada e fazendo o rastreamento ativamente em cada computador para o qual um log será gerado.

Para obter informações detalhadas, consulte a seção Operações da Biblioteca Técnica do Office Communications Server.

Expanda suas habilidades
Explore o treinamento
Obtenha novos recursos primeiro
Ingressar no Office Insider

Essas informações foram úteis?

Obrigado por seus comentários!

Agradecemos pelos seus comentários! Parece que pode ser útil conectar você a um de nossos agentes de suporte do Office.

×