Como corrigir um erro #VALOR! na função SE

SE é uma das funções mais versáteis e populares no Excel e é frequentemente usada várias vezes em uma única fórmula, bem como em combinação com outras funções. Infelizmente, devido à complexidade de construção das instruções SE, é bastante fácil enfrentar o erro #VALOR!. Normalmente, você pode suprimir o erro adicionando funções específicas de tratamento de erro, como ÉERROS, ÉERRO ou SEERRO em sua fórmula.

Problema: O argumento faz referência a valores de erro

Quando há uma referência de célula a um valor de erro, SE exibe o erro #VALOR!.

Solução: Você pode usar qualquer uma das fórmulas de tratamento de erro, como ÉERROS, ÉERRO ou SEERRO, juntamente com SE. Os tópicos a seguir explicam como usar SE, ÉERROS e ÉERRO, ou SEERRO em uma fórmula em que seu argumento faz referência a valores de erro.

Observações : 

  • SEERRO foi introduzido no Excel 2007 e é preferível usá-lo em vez de ÉERROS ou ÉERRO, já que ele não exige uma fórmula para ser construído de forma redundante. ÉERROS e ÉERRO forçam uma fórmula a ser calculada duas vezes, primeiro para ver se ela é avaliada como um erro, em seguida para retornar seu resultado. ÉERROS calcula somente uma vez.

  • =SEERRO(Fórmula,0) é muito melhor do que =SE(ÉERROS(Fórmula,0,Fórmula))

Problema: a sintaxe está incorreta

Se a sintaxe de uma função não tiver sido criada corretamente, ela poderá retornar o erro #VALOR!.

Solução: Verifique se você está construindo a sintaxe da forma adequada. Veja um exemplo de uma fórmula bem construída que aninha uma função SE dentro de outra função SE para calcular deduções com base no nível de renda.

=SE(E2<31500,E2*15%,SE(E2<72500,E2*25%,E2*28%))

Exemplo de uma instrução SE bem construída

Em inglês simples, isso significa - SE(o valor na célula A5 for menor que 31.500, multiplique-o por 15%. Mas, SE não for, verifique se ele é menor que 72.500. SE for menor, multiplique-o por 25%, caso contrário, multiplique por 28%).

Para usar o SEERRO com uma fórmula existente, você apenas quebra a fórmula completa com o SEERRO:

=SEERRO(SE(E2<31500,E2*15%,SE(E2<72500,E2*25%,E2*28%)),0)

O que está simplesmente dizendo que SE qualquer parte da fórmula original for avaliada como um erro, então, exiba 0, caso contrário, retorne o resultado da instrução SE. Algumas pessoas escrevem suas fórmulas completas com tratamento de erros para iniciar, no entanto isso não recomendável, pois o manipulador de erro irá suprimir quaisquer possíveis erros, assim, você não saberá necessariamente se sua fórmula está funcionando corretamente ou não. Se você precisar adicionar o tratamento de erros, será melhor adicioná-lo quando você estiver certo de que sua fórmula funciona corretamente.

Observação : Os valores de avaliação em fórmulas não tem vírgulas. Se você adicioná-los, a função SE vai tentar usá-los como argumentos e o Excel vai alertá-lo. Por outro lado, os multiplicadores de porcentagem incluem o símbolo %. Isso informa ao Excel que você deseja que esses valores sejam vistos como porcentagens. Caso contrário, você precisará-la inseri-los como seus valores de porcentagem real, como “E2*0,25”.

Mensagem do Excel quando você adiciona vírgula a um valor

Você tem dúvida sobre uma função específica?

Postar uma pergunta no fórum da comunidade do Excel

Ajude-nos a melhorar o Excel

Você tem sugestões sobre como podemos melhorar a próxima versão do Excel? Em caso afirmativo, confira os tópicos no site User Voice do Excel.

Consulte Também

Corrigir um erro #VALOR!

Função SE

Função SEERRO

Funções SE

Função SES (Office 365 ou Excel 2016 ou posterior)

Função SE – fórmulas aninhadas e evitando armadilhas

Vídeo: Funções SE aninhadas

Visão geral de fórmulas no Excel

Como evitar fórmulas quebradas

Usar a verificação de erros para detectar erros em fórmulas

Todas as funções do Excel (ordem alfabética)

Todas as funções do Excel (por categoria)

Expanda suas habilidades
Explore o treinamento
Obtenha novos recursos primeiro
Ingressar no Office Insider

Essas informações foram úteis?

Obrigado por seus comentários!

Agradecemos pelos seus comentários! Parece que pode ser útil conectar você a um de nossos agentes de suporte do Office.

×